VISÃO ESPÍRITA SOBRE O TABAGISMO (O PERISPÍRITO FICA IMPREGNADO)

Os efeitos nocivos do fumo transpõem os níveis puramente físicos, atingindo o envoltório sutil e vibratório que modela, vivifica e abastece o organismo humano, denominado perispírito ou corpo espiritual. O perispírito, na região correspondente ao sistema respiratório, fica, graças ao fumo, impregnado e saturado de partículas semimateriais nocivas que absorvem vitalidade, prejudicando o fluxo normal das energias espirituais sustentadoras, as quais, através dele, se condensam para abastecer o corpo físico. O fumo não só introduz impurezas no perispírito - que são visíveis aos médiuns videntes, à semelhança de manchas, formadas de pigmentos escuros, envolvendo os órgãos mais atingidos, como os pulmões —, mas também amortece as vibrações mais delicadas, bloqueando-as, tornando o homem até certo ponto insensível aos envolvimentos espirituais de entidades amigas e protetoras.

Após o desencarne, os resultados do vício do fumo são desastrosos, pois provocam uma espécie de paralisia e insensibilidade aos trabalhos dos espíritos socorristas por longo período, como se permanecesse num estado de inconsciência e incomunicabilidade, ficando o desencarnado prejudicado no recebimento do auxílio espiritual. Numa entrevista dada ao jornalista Fernando Worm (publicada na Folha Espirita, agosto de 1978, ano V, n° 53), Emmanuel, através de Chico Xavier, responde às seguintes perguntas:

F.W. A ação negativa do cigarro sobre o perispírito do fumante prossegue após a morte do corpo físico? Até quando?
Emmanuel: O problema da dependência continua até que a impregnação dos agentes tóxicos nos tecidos sutis do corpo espiritual ceda lugar à normalidade do envoltório perispiritual, o que, na maioria das vezes, tem a duração do tempo em que o hábito perdurou na existência física do fumante. Quando a vontade do interessado não está suficientemente desenvolvida para arredar de si o costume inconveniente, o tratamento dele, no Mundo Espiritual, ainda exige quotas diárias de sucedâneos dos cigarros comuns, com ingredientes análogos aos dos cigarros terrestres, cuja administração ao paciente diminui gradativamente, até que ele consiga viver sem qualquer dependência do fumo.

F.W. Como descreveria a ação dos componentes do cigarro no perispírito de quem fuma?
Emmanuel: As sensações do fumante inveterado, no Mais Além, são naturalmente as da angustiosa sede de recursos tóxicos a que se habituou no Plano Físico, de tal modo obcecante que as melhores lições e surpresas da Vida Maior lhe passam quase que inteiramente despercebidas, até que se lhe normalizem as percepções. O assunto, no entanto, com relação à saúde corpórea, deveria ser estudado na Terra mais atentamente, já que a resistência orgânica decresce consideravelmente com o hábito de fumar, favorecendo a instalação de moléstias que poderiam ser claramente evitáveis. A necropsia do corpo cadaverizado de um fumante em confronto com o de uma pessoa sem esse hábito estabelece clara diferença.

**************
Fonte: Site a casa do espiritismo

Exibições: 10515

Tags: (O, ESPÍRITA, FICA, IMPREGNADO), O, PERISPÍRITO, SOBRE, TABAGISMO, VISÃO

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

Comentário de Avanildes Medeiros em 1 maio 2016 às 0:07

Mto  triste! Só  esse ano soube de gente que parou de fumar e msm  assim está com cancer nos pulmões... coisa mais triste! E nem tem como fazer transplante!

Comentário de Joao Aparscido Lucas da Silva em 28 abril 2016 às 10:25
Dia 25/12/15,completei 16 anos sem cigarro.Foi a melhor iniciativa da minha vida!houveram várias mudanças,pra melhor, em mim!
Comentário de Vera Lucia Poyer em 27 abril 2016 às 17:14

Meu Deu eu ainda fumo. Perdi meu marido vai fazer 1 ano, tenho um filho especial. Não encontro 

forças para parar de fumar. Pior depois que meu marido se foi to fumando o dobro. Se alguém puder me ajudar.

Agradecida

Comentário de Marinalva de Carvalho Caetano em 27 abril 2016 às 16:44

Muito bom artigo, elucida muito!

Comentário de eliane maria borges em 7 dezembro 2015 às 1:50

É triste que muitos irmãos espiritualizados ainda conservem esse vicio, tão nocivo ao corpo físico quanto ao espíritual...

Comentário de Joao Aparscido Lucas da Silva em 6 dezembro 2015 às 22:22
Fui incentivado a parar de fumar,quando li o livro A alma humana e o espírito imortal,psicografado pelo médium Hercílio Mães,ditado pelo espírito Ramatís.De maneira bem clara e direta,Ramatis descreve a terrível situação do espírito fumante,quando desencarnado.No qual Ramatis denomina-o de "piteira-viva".

© 2019   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!