SUPERANDO A INSEGURANÇA - Texto sobre Cabala /Judaísmo

SUPERANDO A INSEGURANÇA

Recentemente me perguntaram a respeito da raiz da insegurança. Respondi que certamente, em um nível, há motivos psicológicos para que nos sintamos inseguros. Por exemplo, talvez w, y ou z tenham acontecido durante minha infância, de tal forma que tenham causado insegurança em uma ou outra área.

Do ponto de vista metafisico, entretanto, o motivo pelo qual podemos nos sentir inseguros nesta vida, é que EXISTEM CERTOS NÍVEIS QUE NÃO ALCANÇAMOS EM NOSSA VIDA ANTERIOR.

De certa forma, é como se tivéssemos sido preguiçosos demais para realizar tudo que poderíamos ter realizado e assim, quando retornamos a este mundo, trazemos conosco um sentimento incomodo de que não somos suficientemente bons, porque nossa natureza espiritual sabe que poderíamos ter feito as coisas de forma diferente na última vez que aqui estivemos. Talvez, por exemplo, haviam pessoas que poderíamos ter ajudado, mas dissemos: "Não, vou deixar para fazer isso na próxima vez."

Então, agora é a "próxima vez".

Assim, o propósito global desse tipo de insegurança é na verdade positivo: se a utilizamos da forma correta, ela pode nos ajudar a nos forçarmos a fazer mais e a continuar a lutar para revelar nosso potencial neste mundo.

Vamos supor que não esteja com vontade de ir a uma festa porque me sinto insegura e receosa de que ninguém vá gostar de mim lá. Neste caso, tenho a oportunidade de fazer algo diferente. Isso não significa que tenha que ir ao extremo oposto e ser a pessoa mais extrovertida e gregária da festa, mais significa que talvez eu devesse dizer a mim mesma: "Olha só, eu vou a essa festa e vou tentar ser a pessoa que consigo ser. Desta vez vou fazer as coisas de outra maneira."

Lembre-se de que a insegurança começa com: "Eu" e não "Nós" e que a maneira de superá-la é empurrar a nós mesmos e dizer: "Talvez eu não seja tão bom quanto meu irmão, mas eu sou tão bom quanto posso ser e posso fazer tanto quanto sou capaz de fazer."

Na vida, no momento em que dizemos: "Não consigo fazer" ou "É difícil demais para mim", estamos voltando para o lugar da insegurança de onde nos originamos. Não estou dizendo que deveríamos ter uma postura perfeita ou que devemos ser absolutamente o máximo em tudo que fazemos. O que estou querendo dizer é que ao nos apresentarmos, seja qual for a situação que nos desafie, o universo estará nos dando a oportunidade de dizer: "Sabe de uma coisa? Talvez eu consiga fazer isso. Deixe-me tentar mais uma vez".

Karen Berg

Fonte: Centro de Cabala
www.kabbalah.com
Fonte da Gravura: Acervo de autoria pessoal

Exibições: 703

Tags: Karen Berg, anteriores, cabala, insegurança, kabbalah, reencarnação, vidas

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

Comentário de Eliza Maria Barbosa em 6 abril 2014 às 20:47
ÓTIMO TEXTO!APRENDI!E GOSTEI!
Comentário de Eliza Maria Barbosa em 6 abril 2014 às 20:44
Ótimo texto!APRENDI E GOSTEI!
Comentário de Dayze C. vasconcelos em 3 abril 2014 às 11:36

Otimo texto! Goste, agradeco.

Comentário de sueli rodrigues em 2 abril 2014 às 18:03

muito bom texto !!

Comentário de Henrique em 2 abril 2014 às 12:02

muito bom !

© 2021   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!