Quando me amei de verdade, compreendi que em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa, no momento exato. E então, pude relaxar.
Hoje sei que isso tem nome...Auto-estima.

Quando me amei de verdade, pude perceber que minha angústia, meu sofrimento emocional, não passa de um sinal de que estou indo contra minhas verdades.
Hoje sei que isso é...Autenticidade.
Quando me amei de verdade, parei de desejar que a minha vida fosse diferente e comecei a ver que tudo o que acontece contribui para o meu crescimento.
Hoje chamo isso de... Amadurecimento.

Quando me amei de verdade, comecei a perceber como é ofensivo tentar forçar alguma situação ou alguém apenas para realizar aquilo que desejo, mesmo sabendo que não é o momento ou a pessoa não está preparada, inclusive eu mesmo.
Hoje sei que o nome disso é... Respeito.

Quando me amei de verdade comecei a me livrar de tudo que não fosse saudável... Pessoas, tarefas, tudo e qualquer coisa que me pusesse para baixo. De início minha razão chamou essa atitude de egoísmo.
Hoje sei que se chama... Amor-próprio.

Quando me amei de verdade, deixei de temer o meu tempo livre e desisti de fazer grandes planos, abandonei os projetos megalômanos de futuro. Hoje faço o que acho certo, o que gosto, quando quero e no meu próprio ritmo.
Hoje sei que isso é... Simplicidade.

Quando me amei de verdade, desisti de querer sempre ter razão e, com isso, errei muitas menos vezes.
Hoje descobri a... Humildade.

Quando me amei de verdade, desisti de ficar revivendo o passado e de preocupar com o futuro. Agora, me mantenho no presente, que é onde a vida acontece. Hoje vivo um dia de cada vez. Isso é...Plenitude.

Quando me amei de verdade, percebi que minha mente pode me atormentar e me decepcionar. Mas quando a coloco a serviço do meu coração, ela se torna uma grande e valiosa aliada.
Tudo isso é... Saber viver!!!



                                                                           ** Charles Chaplin **
OBS.: O texto aparece, na internet, como sendo de autoria de Charles Chaplin. Não sei se a informação é verídica, mas a mensagem sobressai, acima da dúvida.

Exibições: 1424

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

Comentário de Maria Cristina Rocha em 16 maio 2013 às 11:16

 Pérfeita demais,mim tocou profundamente, LINDA!!!

Comentário de Alba Ghiu em 10 maio 2013 às 21:24

Adorei essa mensagem.Maravilhosa.

Comentário de Vivian C. Baccarin Buldrini em 28 abril 2013 às 10:37

lindo, obrigado 

Comentário de claudie lopes em 25 abril 2013 às 23:24

Muito obrigada,querida  Denise Helena Rosa.... 

Deus abençoe sua semana! 

Bjos!

Comentário de Denise Helena Rosa em 25 abril 2013 às 21:46

Lindo...amei este texto....Afagos de Luz !!!!

Comentário de SONIA MARIA BRANDÃO PORTO em 25 abril 2013 às 12:51

Verdadeiro exercício interior que requer fé e firmeza para, cotidianamente, executá-lo

Comentário de SONIA MARIA BRANDÃO PORTO em 25 abril 2013 às 12:50

Verdadeiro e importante exercício interior que requer força e firmeza para executá-lo, cotidianamente

Comentário de Vânia Iara Vicente Lacerda em 22 abril 2013 às 18:48

Amo demais esta mensagem de Charles Chaplin, depois que comecei a praticá-la vivo bem mais feliz comigo e com minha vida. Este texto é muito verdadeiro...

Comentário de simene florinal de castro em 22 abril 2013 às 15:56

EU CONHEÇO  ESSE  TEXTO  FAZ   ALGUNS  ANOS....   E  SEMPRE   O   ACHO   PERFEITO....   MAIS  DO QUE  ISSO,   TENTANDO  CADA  DIA  MAIS   PRATICÁ-LO.    PARABÉNS  PELO  ACHADO...

 

Comentário de Margarida Maria Madruga em 22 abril 2013 às 14:29

Muito bom. Este texto é gratificante. Obrigada.

© 2019   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!