Escuta, alma querida,
As tragédias do mundo, longe ou perto,
São lâminas ao ar como açoites ao vento...
Lutas entre as nações e outras do sofrimento
Dentro do próprio lar,
Quais golpes a explodir;
Rugem conflitos, clamam desacertos,
Mas enquanto a violência se encastela,
A palavra da fé nos roga clara e bela:
- “Trabalhar e esquecer, prosseguir, prosseguir...”.

Perdes almas queridas pela estrada
Que se marginalizam sob a escolta
Da tristeza, da mágoa e da revolta,
Descrentes do porvir...
Quanto a ti, age, lida e continua...
O Tempo há de buscá-las no futuro
E a Lei já te alinhou sob o esquema a seguir:
- “Trabalhar e esquecer, prosseguir, prosseguir...”.

Não contes desenganos e pesares.
Consome qualquer dor na chama ardente
Da confiança em Deus que te mantém buscando a frente,
Para que possas Compreender e elevar...
Mãos na gleba do amor!... Aprende a construir!...
E escutarás, então, de ânimo atento
A mensagem de luz do próprio firmamento:
- “Trabalhar e esquecer, prosseguir, prosseguir...”.

Psicografado pelo médium Francisco Cândido Xavier (Chico Xavier) pelo espírito Maria Dolores.
Mensagem extraída do livro Dádivas de Amor, editora IDEAL.

Exibições: 30

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

© 2019   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!