Meus prezados irmãos,

Nas minhas buscas e pesquisas que faço durante o tempo que dedico ao estudo da Doutrina Espírita encontrei um texto tão belo quanto instigante e questionador.

O próprio autor, que não assinou, pede ajuda para esclarecimentos.

Achei relevante trazer aqui, porque, quem sabe alguém se interesse pelo tema e possa agregar conhecimento.

Abraços fraternos,

Vi Meirim

 

Segue a transcrição do texto:

 

Personalidade e mente livre

Venho hoje colaborar, emitindo minha humilde opinião, formada depois de ler alguns textos sobre o assunto.

A personalidade define em parte aquilo que somos, no que acreditamos, e como vivemos e é formada  pelo convívio, o meio em que vivemos, a cultura, e cada ensinamento religioso de diversos seguimentos. 

Mas o que tem a ver isso com a mente livre? Bom estive pesquisando sobre assuntos de regreção de memória, lembranças espontâneas sobre reencarnações anteriores e a moradia nas cidades espirituais entre uma e outra reencarnação.

 Há muito tempo o fenômeno do esquecimento pós reencarnatório e seu propósito me intriga, por isso sempre procurei ler a respeito.

Segundo a religião Maia, a personalidade do ser humano deve desaparecer com a evolução da espécie, em contrapartida, nos é ensinado atravéz de comentários sociais, que essa ou aquela pessoa é boa porque tém personalidade.

Mas depois de ler a respeito do que outras culturas povos e a própria ciêmcia e o espiritismo, percebo, que a personalidade é algo que nos camufla, para esconder de nós mesmos os horrores de nossos passados. Isso talvêz explicque o porquê de esquecer-mos nossos passados, e o propósito de tudo isso.

O esquecimento pós encarnatório tem como causa, nossa auto-censura, nossa auto-punição pelos erros anteriores, então, perante as lembranças de nossos erros, nos apegamos as coisas do mundo fisico como sendo a única coisa que realmente existe, de maneira a insentar-nos de nossa necessidade de correção daqueles atos anteriores. Em suma, a personalidade é uma máscara que encobre um passado cheio de erros a ser reparados. Por isso, por exemplo, um paciente que faz uma terapia de regreção, consegue se lembrar de suas reencarnações anterioes, porque ele em transe, não está preso a essa máscara. Acredito que na medida em que reparamos nossos erros, a cada encarnação nascemos com nossa personalidade diminuida, mas isso não quer dizer que vá diminuir a convicção sobre uma coisa qualquer, corriqueira, e opostamente, nossa pureza espiritual aumenta, e a mente se liberta.

A cada nova encarnação, nossos erros corrigidos do passado, passam a ser a nossa bagagem de experiências e conhecimento do que é certo e errado, essas lembranças simplesmente não nos aflige mais, então nossa auto-punição diminui, o que dispença pouco a pouco o uso dessa máscara da personalidade, e depois de algumas encarnações, nossos passados começam a se revelar perante nossos olhos.

Acredito que os adéptos do espiritismo, tem uma intuição muito forte do passado, que nos dá a certeza de nossa amada doutrina, o que pode ser um indício de um começo de auto conhecimento, e resgates passados, que nos tornam 
aptos a ter essa intuição.

  Por favor, estou aberto a comentários e correções, obrigado por este espaço.

Clique aqui para ler mais: http://www.forumespirita.net/fe/reencarnacao/personalidade-e-mente-...

Exibições: 50

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

© 2020   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!