Nenhum texto alternativo automático disponível.

Orar pelos outros é tão salutar quanto orar por nós mesmos, porém, nem sempre se está próximo a quem se dirige a petição, da mesma forma que o favorecido nem sempre está receptivo ou em condições para harmonizar-se por meios próprios.

Sabe-se que os pensamentos penetram o Cosmo e, conduzindo-os, consegue-se atingir o objetivo almejado. A vibração a distância procura envolver aqueles que dela necessitam, cujas irradiações fluídicas são direcionadas para fins terapêuticos pelas equipes trabalhadoras dos planos físico e espiritual, sem jamais dispensar a assistência dos solicitantes, que devem colaborar com essa tarefa, seja sintonizando-se mentalmente ou em trabalho doméstico. (Veja como realizar o culto do Evangelho no Lar)

O pensamento, força geradora dessas emanações, deve estar permanentemente sintonizado com os Espíritos orientadores que, em conjunto com todos os envolvidos no trabalho, promovem a assistência que se busca.

Acompanhando o trabalho, cabe àquele a quem se dirige a irradiação conduzir-se de forma equilibrada com a real intenção de mudança íntima. "Ajuda-te a ti mesmo que o Céu te ajudará."
(S. Mateus. Cap. VII vv.7 a 11)

Aos necessitados, dizem os Espíritos:

“Deveis orar incessantemente, sem que, para isso, se faça mister vos recolhais ao vosso oratório, ou vos lanceis de joelhos nas praças públicas. A prece do dia é o cumprimento dos vossos deveres, sem exceção de nenhum, qualquer que seja a natureza deles.”
(O Evangelho Segundo o Espiritismo – Cap. XXVII – Item 22)

Exibições: 54

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

© 2020   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!