O EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO - CAPÍTULO V - item 20

A felicidade não é deste mundo

  
20. Não sou feliz! A felicidade não foi feita para mim! exclama geralmente o homem em todas as posições sociais. Isso, meus caros filhos, prova, melhor do que todos os raciocínios possíveis, a verdade desta máxima do Eclesiastes: "A felicidade não é deste mundo." Com efeito, nem a riqueza, nem o poder, nem mesmo a florida juventude são condições essenciais à felicidade. Digo mais: nem mesmo reunidas essas três condições tão desejadas, porquanto incessantemente se ouvem, no seio das classes mais privilegiadas, pessoas de todas as idades se queixarem amargamente da situação em que se encontram.

   
Diante de tal fato, é incontestável que as classes laboriosas e militantes invejem com tanta ânsia a posição das que parecem favorecidas da fortuna. Neste mundo, por mais que faça, cada um tem a sua parte de labor e de miséria, sua cota de sofrimentos e de decepções, donde facilmente se chega à conclusão de que a Terra é lugar de provas e de expiações.

   
Assim, pois, os que pregam que ela é a única morada do homem e que somente nela e numa só existência é que lhe cumpre alcançar o mais alto grau das felicidades que a sua natureza comporta, iludem-se e enganam os que os escutam, visto que demonstrado está, por experiência arqui-secular, que só excepcionalmente este globo apresenta as condições necessárias à completa felicidade do indivíduo.

   
Em tese geral pode afirmar-se que a felicidade é uma utopia a cuja conquista as gerações se lançam sucessivamente, sem jamais lograrem alcançá-la. Se o homem ajuizado é uma raridade neste mundo, o homem absolutamente feliz jamais foi encontrado.

   
O em que consiste a felicidade na Terra é coisa tão efêmera para aquele que não tem a guiá-lo a ponderação, que, por um ano, um mês, uma semana de satisfação completa, todo o resto da existência é uma série de amarguras e decepções. E notai, meus caros filhos, que falo dos venturosos da Terra, dos que são invejados pela multidão.

    
Conseguintemente, se à morada terrena são peculiares as provas e a expiação, forçoso é se admita que, algures, moradas há mais favorecidas, onde o Espírito, conquanto aprisionado ainda numa carne material, possui em toda a plenitude os gozos inerentes à vida humana. Tal a razão por que Deus semeou, no vosso turbilhão, esses belos planetas superiores para os quais os vossos esforços e as vossas tendências vos farão gravitar um dia, quando vos achardes suficientemente purificados e aperfeiçoados.

   
Todavia, não deduzais das minhas palavras que a Terra esteja destinada para sempre a ser uma penitenciária. Não, certamente! Dos progressos já realizados, podeis facilmente deduzir os progressos futuros e, dos melhoramentos sociais conseguidos, novos e mais fecundos melhoramentos. Essa a tarefa imensa cuja execução cabe à nova doutrina que os Espíritos vos revelaram.

   
Assim, pois, meus queridos filhos, que uma santa emulação vos anime e que cada um de vós se despoje do homem velho. Deveis todos consagrar-vos à propagação desse Espiritismo que já deu começo à vossa própria regeneração. Corre-vos o dever de fazer que os vossos irmãos participem dos raios da sagrada luz. Mãos, portanto, à obra, meus muito queridos filhos! Que nesta reunião solene todos os vossos corações aspirem a esse grandioso objetivo de preparar para as gerações porvindouras um mundo onde já não seja vã a palavra felicidade.

- François-Nicolas-Madeleine, cardeal Morlot. (Paris, 1863.)

       

Exibições: 2626

Tags: (Paris, 1863.), François-Nicolas-Madeleine, Morlot., cardeal

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

Comentário de Vi Meirim em 28 abril 2012 às 16:15

Excelente palestra baseada no livro O Ser Consciente do Espírito Joana de Ângelis. Responde a muitas perguntas.

Estudo sobre a felicidade (Joana de Ângelis)

Vi Meirim

Comentário de Emanoel Tavares Costa em 28 abril 2012 às 11:19

Com razão Leandro Magno, que bem definiu, com exemplos concretos, o vazio existencial que decorre de uma vivência cercada de poder, dinheiro, propriedades, afetos egoísticos, sem o fermento prodigioso da caridade para com todos e para consigo mesmo. É verdade que ainda estamos em construção, que a felicidade ainda não é deste mundo, mas seguramente estamos evoluindo e chegaremos, tão breve quanto possível, à edificação do Reino de Deus na Terra, quando nossa Humanidade finalmente gozará da verdadeira felicidade.

Comentário de Leaodrho Magno em 27 abril 2012 às 1:50

DISSE JESUS: SOMENTE É FELIZ AQUELE QUE FAZ O OUTRO FELIZ. AQUELE DE NÓS QUE, POR ALGUMA VEZ PRATICOU A CARIDADE COM O PRÓXIMO, POR CERTO, SENTIU-SE “RADIANTE” POR DENTRO, UMA ESPÉCIE DE PERCEPÇÃO DE FELICIDADE. MAS O QUE SERIA FELICIDADE? FELICIDADE É EU TER UM EMPREGO BEM REMUNERADO; TER 1 LINDA CASA, TER 1 LINDA ESPOSA E FILHOS MARAVILHOSOS. BELÊ, ENTÃO. DE REPENTE TENHO UM TRABALHO C/ $50.000/MÊS; CASA DE $1.000.000,00; ESPOSA: CATHARINE ZETTA JONES; E FILHOS LINDOS, EDUCADOS ETC. POIS BEM, COMO “SER FELIZ” C/ TODA ESSA ABUNDÂNCIA, SE DO N/ LADO PESSOAS PASSAM FOME (NA ÁFRICA PESSOAS ESQUÁLIDAS SÃO NORMAIS); SE PAÍSES VIZINHOS DIGLADIAM EM LUTAS QUE NÃO LEVAM A NADA. COMO SER FELIZ NO PLANETA COM ESTAS DIVERSIDADES? OBVIAMENTE SÓ O SEREMOS QUANDO PUDERMOS DIVIDIR ESTA FELICIDADE. E, CHEGAMOS FATALMENTE À CONCLUSÃO Q A FELICIDADE NÃO ESTÁ EM “TER” MAS EM “SER”. SER COMPREENSIVO, FIEL, CALMO, CARIDOSO, ALEGRE, CARINHOSO, CUIDADOSO, LABOROSO, ENFIM, TRILHAR A FELICIDADE PROPORCIONANDO TUDO ISTO AO OUTRO. SER COMPREENSIVO COM O OUTRO; FIEL, COM O OUTRO; CALMO, COM O OUTRO ETC. ESTE O CAMINHO, NÃO HÁ ALTERNATIVA. ABRAÇOS. LEAODRHO.

Comentário de Vi Meirim em 8 abril 2012 às 18:48

Odete Fonseca, prezada irmã

Esta é uma visão de felicidade simplista. Com o estudo da Doutrina passamos a entender que ela é muito mais que isto é que a verdadeira felicidade não é deste mundo. E isto exige de cada um de nós, em jornada evolutiva, uma reforma íntima com mudança de hábitos, valores e atitudes. E, principalmente, obedecendo um dos preceitos básicos qiue é a prática da CARIDADE.

Deus ajuda as criaturas pelas criaturas.

Abraços fraternos,

Vi Meirim

Comentário de Odete Fonseca em 8 abril 2012 às 17:52

Ser feliz para mim é estar em paz com a minha conciência , e só fazer o bem a todos.

forte abraço

Comentário de Andre Mar em 28 março 2012 às 15:23

Ser feliz é encontrar força no perdão, esperança nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros.
Fernando Pessoa

Comentário de Helena M Ramos Felicio em 27 março 2012 às 20:35

A felicidade é um sentimento muito complexo, por que geralmente está relacionada a desejos não satisfeitos, nem mesmo o ser humano seria capaz de expressar o que realmente o faria feliz, poderia citar vários fatores que poderiam satisfazê-los, mas na verdade seria temporal, logo  desejaria outra coisa ou estar em outra situação.

Comentário de Lisiane Isabel de Aquino da Silv em 22 março 2012 às 20:07

A Felicidade é feita de momentos e depende somente de nós para que ela seja bem vivida e o primeiro passo para a felicidade é nos amarmos e aceitar que tudo tem um porque e que os porquês fazem parte da nossa vida...

Comentário de Lilian Francklin em 19 março 2012 às 17:51

A Felicidade,é um Estado de Espírito.

Portanto aquele que esta ligado a Deus,com certeza será Feliz.

 

Comentário de Danilo Felix em 18 março 2012 às 11:55

Nós para conseguirmos alcançar a felicidade,devemos primeiro renovarmos a nós mesmos.

© 2020   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!