O DESPERTAR da princesa DIANA no MUNDO ESPIRITUAL ! Como foi, o que aconteceu ?

Certo dia, a princesa Diana vai procurar madre Teresa de Calcutá, abrindo-lhe o coração. Falou-lhe de suas angústias, do vazio que sentia em seu íntimo, muito embora, a sua, fosse uma vida de glamour. E confessou-lhe o desejo de fazer parte de sua ordem religiosa.

 

A madre comoveu-se ante o relato, cheio de ternura e confiança, e viu muita doçura e bondade na alma daquela mulher simples, porém muita rica e famosa. E, com grande carinho, buscou orientar-lhe. Disse-lhe que ela era uma princesa e, como tal, não poderia pertencer à sua ordem religiosa, de extrema pobreza. Então, a madre lhe disse:

 

- Diana, você pode doar esse amor às crianças indefesas. Na sua posição, você pode auxiliar muitas delas, que sofrem... A caridade pode ser exercida em qualquer lugar onde nos encontremos...

 

A princesa voltou para o seu palácio e daí em diante, dedicou-se a visitar crianças vítimas da aids, essa enfermidade tão cruel, e auxiliou, com enorme carinho, crianças mutiladas pelas minas das guerras... Desde então, encontrou a alegria de ser útil, o prazer de servir.

 

Madre Teresa tudo acompanhava pelos informes da TV, da imprensa. E, entre aquelas duas mulheres, elos de amor passaram a existir.

 

O tempo correu. Alguns meses depois, a princesa, amiga dos sofredores, a rosa da Inglaterra, como era conhecida mundialmente, veio a desencarnar num acidente que chocou a todos.

 

A madre, muito abalada, ao saber do fato, apressou-se a tomar providências e a cancelar compromissos, a fim de comparecer ao funeral, dias depois.

 

Algo, porém, alterou-lhe os planos. Sua saúde, muito instável. levou-a à cama. Alguns dias se passaram, e madre Teresa veio também a falecer.

 

Joanna de Ângelis nos contou, então o suceder dos acontecimentos, do "outro lado"...

 

Madre Teresa foi recebida numa festa de luz, sob a carinhosa assistência de Teresa de Lisieux, a Santa Terezinha do Menino Jesus, como é adorada na Igreja Católica. Permaneceu consciente de seu processo desencarnatório, na paz de consciência que sua vida honrada lhe fizera merecer. E é então que ela pergunta à religiosa que lhe recebera, onde estava Diana. E Teresa de Lisieux lhe conta que a princesa, devido ao choque causado pelo acidente, estava dormindo, ainda em refazimento e recuperação.

 

Madre Teresa de Calcutá vela pela princesa, faz-lhe companhia, ora por sua harmonização. E, no momento de despertar, quando Diana abre os olhos diante da vida espiritual e reconhece a grandeza do amor de Deus, eis que ela revê a madre, a religiosa afetuosa e amiga que, com extremado amor, lhe diz:

 

- Agora, minha filha, você está pronta para ser aceita na minha ordem. Iremos trabalhar juntas, com a bênção do Senhor.

 

-Nós, que sabemos como o mundo espiritual é fascinante, diz Divaldo, imaginemos o júbilo desse encontro!

Exibições: 8332

Tags: !, ?, Como, DESPERTAR, DIANA, ESPIRITUAL, MUNDO, O, aconteceu, da, Mais...foi, no, o, princesa, que

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

Comentário de Benoni Martins em 24 julho 2017 às 13:01

O apego aos bens terrenos é um dos mais fortes entraves ao progresso moral e espiritual. Devido ao desejo de posse, destruímos as nossas faculdades afetivas!

Comentário de Angélica Campos em 16 julho 2017 às 11:45

Ainda bem que o conforto da alma não se refere àquilo que a visão terrena valoriza! É maravilhoso saber que com humildade de coração todos podemos ser úteis aos mais necessitados. Esperemos que mais e mais esta consciência se aflore na querida Mãe Terra!

Comentário de Benoni Martins em 11 julho 2017 às 15:51

Uma rainha da França - Havre, 1863  -  "Quem melhor do que eu poderia entender a verdade destas palavras de Nosso Senhor:  Meu reino não é deste mundo? O orgulho me perdeu sobre a Terra. Quem, pois, compreenderia o nada dos reinos do mundo, senão eu? O que eu levei comigo, de minha realeza terrena? Nada, absolutamente nada; e como para tornar a lição mais terrível, ela não me acompanhou sequer até o túmulo! Rainha eu fui entre os homens, rainha eu esperava entrar no reino dos céus. Que desilusão! Que humilhação, quando em vez de ser recebida como soberana, eu vi acima de mim, mas muito acima, homens que eu acreditava bem pequenos e desprezava, pois não eram de sangue nobre! Oh! Agora eu compreendo a inutilidade das honras e das grandezas que se busca com tanta avidez sobre a Terra! Para se preparar um lugar nesse reino é preciso abnegação, humildade, caridade em toda sua plenitude, benevolência para com todos. Não se vos pergunta o que fostes, que posição ocupastes, mas o bem que fizestes, as lágrimas que enxugastes. Oh! Jesus, tu dissestes, que teu reino não era deste mundo, pois é preciso sofrer para chegar ao céu, e os degraus do trono não levam até lá; são os caminhos mais penosos da vida os que conduzem a ele.Procurai-os, então, na estrada de abrolhos e espinhos e não entre as flores! Os homens correm atras dos bens terrenos, como se os pudesse guardar para sempre. Mais uma ilusão. Logo percebem que encontraram sombras, e negligenciaram os únicos bens sólidos e duráveis, os únicos que os levariam  morada celeste". (Uma rainha da França - Havre, l863 - capítulo 2 item 8 página 56 de O Evangelho).

Comentário de Dercio Conceicao em 10 julho 2017 às 21:17

Divaldo Franco falou sobre isso (o despertar de Ladi Di) no XII Encontro Fraternal realizado na Instituição Amélia Rodrigues (Santo André, SP, www.ameliarodrigues.org.br) em 20.Set.1998:

Divaldo Franco: Madre Teresa e Lady Di no Plano Espiritual
https://www.youtube.com/watch?v=mBOVF_Fajyc - (00:06:24)

O evento completo pode ser assistido em:

Divaldo Franco - Perguntas Gerais - Parte 1
https://www.youtube.com/watch?v=R5QlJMzwARE - (01:15:33)

Divaldo Franco - Perguntas Gerais - Parte 2
https://www.youtube.com/watch?v=9IvU1v4gUuo - (01:49:17)

© 2019   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!