O MENDIGO RENITENTE

Narrou-nos Chico que um dia foi procurado por um médico, seu particular amigo de muitos anos, espírita militante e colaborador em suas obras psicografadas.
  
Ele queria saber o que fazer com um velho mendigo, que insistia em dormir no alpendre de sua casa. Não estava preocupado em tê-lo como hóspede em tão precário lugar, mas, sim, com a má acomodação e a friagem da noite. Já o havia alertado de que se permanecesse ali acabaria por ficar doente.
  
Contudo, vendo que seus avisos eram ignorados, dedicou-se a arrumar um lugar onde o mendigo pudesse pernoitar. Depois de conseguir um quartinho na vizinhança, levou-o para lá.
  
Qual não fora sua surpresa ao dar com ele em sua varanda no dia seguinte !
  
Pensando que talvez não tivesse gostado do lugar, procurou um albergue que o tratasse melhor. De nada adiantara. O velho voltou a passar as noites no seu alpendre.
  
O médium então falou-nos:
  
— O que o médico amigo não sabia era que aquele espírito carregava consigo um grande complexo de culpa. Passei então a narrar-lhe as cenas que os amigos espirituais me haviam mostrado:
  
Aquele mendigo, doutor, na existência anterior havia sido um cruel fazendeiro que expulsara impiedosamente muitas famílias de suas terras, deixando-as ao relento, sem rumo...
 
Depois que desencarnou, a partir daquelas lembranças formara-se o complexo de culpa. E o sofrimento perdura até os dias atuais, não permitindo que ele permaneça alojado em lugar nenhum.
  
Chico concluiu:
  
— Então eu disse ao amigo: Não adianta tentar melhorar sua situação, deixe-o dormir no seu alpendre. Mais uns dias e ele procurará outro lugar para deitar-se ao relento. Essa situação perdurará até que o complexo de culpa deixe de atormentá-lo.
  
Em nossas cogitações, vem-nos à mente a lição: para exercer a caridade é necessário usarmos do bom senso e não insistirmos quando o necessitado se nega a receber o benefício. Sempre haverá uma razão que justifique situações como a que nos foi narrada.
  
(Do livro Inesquecível Chico – Edição GEEM

Exibições: 1851

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

Comentário de fatima rocha castelo branco em 11 fevereiro 2012 às 11:32

trabalhei numa casa que o irmão da minha patroa não gostava de dormi dentro de casa e só dormia no chão,hoje compreendo o por que.bjs em todos os corações

Comentário de Tania Maria Monteiro Costa em 2 fevereiro 2012 às 9:55

CONCORDO COM O COMENTÁRIO DO NOSSO AMIGO EVALDO. E DIGO MAIS ALEM DE AJUDARMOS SEM OLHAR A QUEM, DEVEMOS TB ORIENTÁ-LO PARA QUE TB FAÇA O BEM AOS SEUS SEMELHANTES. COMO DISSE EVALDO ELE PERDEU A OPORTUNIDADE DE RESGATAR O MAL QUE FEZ EM OUTRA ENCARNAÇÕES. SE ELE TEVE A OPORTUNIDADE DE IR PARA UM ALBERGUE, QUE LÁ ELE  DESSE A SUA AJUDA AOS MENTORES DAQUELA CASA. PELO MENOS PENSO ASSIM E QUANDO SOU CHAMADA A CONTRIBUIR COM ALGUMA AJUDA  A UMA INSTITUIÇÃO O ALGUEM , COMO POR EXEMPLO , BORDAR OU COSTURAR, ENSINO TB A PESSOA A FAZÊ-LO. NÃO SEI SE ME FIZ ENTENDER . ABRAÇOS A TODOS E PINGOS DE LUZ NESSE DIA.

Comentário de Angela Carneiro da Cunha em 30 janeiro 2012 às 23:10

INÁCIO,VC.ESTÁ CERTO ENQUANTO NÃOMELHORARMOS C/GENTE.CONTINUAREMOS TERRA DE PROVAS E EXPIAÇÃO. VENHA PARTICIPAR NO GRUPO DE ORAÇÃO, ALÉM DE AJUDAR A PESSOA QUE

ESTÁ MUITO NECESSITADA, ESTARÁ MELHORANDO SUA VIDA ESPIRITUAL.

BOA BOITE e abs

angel

Comentário de Inacio Queiroz em 30 janeiro 2012 às 18:37

Interessante como isso está de acordo com o Budismo.

Nossa parte é a compaixão, na certeza que cada um deve encontrar o seu caminho da forma que pode.

É muito bacana ganhar o entendimento dessas questões que parecem absurdas.

Lindo texto. Abração ...

Comentário de Nair Keller em 28 janeiro 2012 às 18:59

Realmente temos muito a aprender....

Comentário de Maria da Conceição Dias em 27 janeiro 2012 às 21:50

Percebo que quando nos colocamos com esta postura, de ajudar sem sermos invasivos e sabendo que existe um motivo justo para todo sofrimento, caso contrário Deus não o permitiria, somos vistos como pessoas insensíveis. Esta história vem relatar a realidade quanto a comportamentos insistentes que algumas pessoas adotam e que trazem tanta dor e sofrimento. 

Comentário de cesar alves da silva em 27 janeiro 2012 às 19:10

No nosso dia a dia, temos vivenciado senas que no íntimos questionamos sem intender porque tanto sofrimento? agora com esse texto do nosso querido chico me esclareceu o porque temos que passar certas prova em nossa vida. 

Comentário de Rodrigo Richter em 27 janeiro 2012 às 12:54

Caro amigo Evaldo, concordo com seu comentário, onde você diz que não é através da repetição do ato que seu karma irá ser transmutado, porém o que diz a história é que o sentimento de culpa era tão forte nele que ele não conseguia, ainda não se sentia pronto para seguir adiante. Isso não significa que ele perdeu sua encarnação, pois não sabemos o que aconteceu após o fato relatado....

Muitos erros cometidos em nossas vidas passadas são cobrados na atual encarnação, e, muitas situações difíceis, como doenças, falta de dinheiro, entre outros, são escolhidos por nós mesmos antes de reencarnarmos, e, como disse nosso irmão Evaldo, cabe a nós, ao invés de aceitarmos passivamente nosso karma, erguermos a cabeça, compreendermos nossa situação e transmutarmos os débitos adquiridos.

Namastê

Comentário de evaldo berwig em 27 janeiro 2012 às 10:42

Amigos do Espirit book,

 

O mendigo perdeu a oportunidade na sua encarnação atual de redimir este mal que o está acompanhando.

 

Provavelmente não é através da repetição do ato de dormir no alpendre que o complexo de culpa irá se extinguir. É possível compreender isto através do estudo da lei do carma e da reencarnação.

 

É sua responsabilidade eliminar a causa do sofrimento. É nosso dever ajudar estas almas no caminho da verdade. Esta é a verdadeira caridade.

 

Cuidemos nós, em nossa encarnação atual, para que tenhamos uma consciência tranqüila através de atos corretos. É nosso dever ajudar as almas fazendo o bem, eliminando o mal e plantando bom carma.

Comentário de Carlos Alberto de Oliveira em 27 janeiro 2012 às 9:08

Amigos aqui vcs encontrarão vasto conteudo sobre esse iluminado ser e muito mais sobre a doutrina espirita.

http://www.ceak.org.br/

© 2021   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!