mesa_flores

     Escuta, ó homem, esta grande verdade: todo o mal que aos outros fazes, duplamente o fazes a ti mesmo.

     Para os outros é um mal externo -  para ti mesmo é um mal central.

     Para quem o sofre, é um mal extrínseco - para quem o pratica é um mal interno.

     Ninguém pode fazer  mal ao próximo sem fazer  mal a si mesmo.

     Não pode deixar de ser mau quem o mal produz - mas pode ser bom quem sofre o mal.

     "Não pode a árvore má produzir frutos bons - nem a árvore boa produzir frutos maus".

     O efeito do mal é transitório em quem o sofre - mas é permanente no sujeito que o produz.

     Não digas: "Fiz mal, arrependi-me - e é tudo como dantes" - ilusão funesta!

     Pelo arrependimento, sim, foi lavada a nódoa moral - permanece, porém, na alma a mancha psíquica.

     O mal, conscientemente praticado , estratifica nas profundezas do subconsciente nova camada de hábito vicioso - e deste subsolo funesto irradiam ondas mortíferas para a zona do consciente.

     Todo ato mau, favorece futuras quedas e recaídas - e dificulta a recuperação.

     Todo ato mau aumenta o declive do plano inclinado que o hábito vicioso criou em tua natureza - e quem pode manter-se firme num declive escorregadio?  

     Por isso, meu amigo, o maior bem que a ti mesmo podes fazer é fazer o bem aos outros - bem por amor ao bem.

    O amor que aos outros faz bem, faz tanto bem a ti mesmo que até te faz bom.

     Por isso Jesus dizia que devemos amar ao próximo como a nós mesmos.

     Educa-te, ó homem, a ti mesmo e aos teus, para o idealismo do bem. 

     Faze o bem por amor ao bem - dentro de ti mesmo e aos outros.

     O único meio de fazeres bem aos outros e ati mesmo é seres bom, intimamente bom.

     O único meio de melhorares o mundo é praticares o Evangelho da bondade sincera, o Evangelho do amor desinteressado, o Evangelho da bemquerença universal.

     "Deus é amor - quem permanece no amor permanece em Deus" (S. João).

     "O reino de Deus está dentro de vós" (Jesus).

     

     

     

Exibições: 1041

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

Comentário de adão de araujo em 4 junho 2013 às 23:11
Oi Alba Guiu. Muito prazer em ter voce conosco. Muita paz.
Comentário de adão de araujo em 4 junho 2013 às 23:09
Muitissimo grato prezada amiga Samira. Jesus nos ilumne hoje e sempre.
Comentário de Alba Ghiu em 4 junho 2013 às 21:47

Intimamente Bom, Amor ao próximo, Amor desinteressado,o bem querer universal. Maravilhoso,Adorei,

Comentário de adão de araujo em 3 junho 2013 às 19:51

Amiga marisa Elaine de Souza. muito grato por sua preciosa atenção. Muita paz.

Comentário de adão de araujo em 3 junho 2013 às 19:50

Presada amiga Samira Fabis, conforme as informações dos Espíritos Superiores sabemos que aqui na Terra existem Espíritos encarnados nos mais diversos graus evolutivos. Esses que se comprazem em fazer o mal, geralmente são Espíritos imaturos e com pouco conhecimento das Leis Divinas, na medida em que forem evoluindo, irão abandonando esses hábitos desagradáveis. Esses companheiros nem sequer sabem que terão de colher aquilo que plantarem. Geralmente são colheitas dolorosas como forma de aprendizado para eles. 

Quanto a aguentar ou não essas pessoas, isso é uma questão conscencial de cada um. Deus não obriga ninguém a coisa alguma. Se julgarmos-nos em condições, poderíamos até prestar alguma ajuda a esses companheiros, porém, cada um sabe até aonde pode ir... Jesus recomendou que se alguém nos convidasse para caminhar uma légua, deveríamos caminhar junto mais duas e se alguém nos pedisse a túnica deveríamos oferecer também a capa. Isso é difícil? Sim! Mas não impossível.

Um grande abraço para você e votos de muita paz.

Comentário de marisa eliane de souza em 3 junho 2013 às 18:43

cultivar o bem é tudo de bom...luz divina...aperfeiçoamento de vida

Comentário de adão de araujo em 3 junho 2013 às 15:24
Muito gratos por sua gentileza amiga Sueli Rodrigues.
Comentário de sueli rodrigues em 3 junho 2013 às 12:53

bom dia lindaspalavras sabias obrigada ....

Comentário de adão de araujo em 2 junho 2013 às 19:35
Amiga Suely Freitas. Sempre grato pela gentileza. Muita paz.
Comentário de adão de araujo em 2 junho 2013 às 19:33
Oi Mariza V. Da Silva, agradecemos sua leitura. Muita paz.

© 2022   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!