"Pequenos prazeres, grandes recompensas"

Satisfaça a alma primeiro!
A Alma é simples e fonte de todo o contentamento.
Enquanto você procura uma roupa de grife, e chora por não tê-la em seu guarda roupa, a alma se contenta em te ver com uma roupa limpa, bem passada, pois sabe que o corpo vale mais que a vestimenta.

Enquanto você sonha com uma pessoa além do natural, desenha na mente uma pessoa encantada, e chora a solidão do desencontro, a alma se contenta com uma pessoa como você, com defeitos e qualidades, de carne e osso, que possa falar o que você precisa ouvir, e silenciar quando quer desabafar.

Enquanto você sonha com aquele super emprego ou cargo público e chora por não passar no concurso ou na seleção, a alma se sente bem em qualquer  trabalho honesto que possa te sustentar, que possa trazer alívio para as despesas que não param. A alma não se aflige por tão pouco...

Enquanto você sonha com o amor que não deu certo, e chora o abandono do que nunca existiu, a alma se contenta com essa pessoa que já convive com você, que faz de tudo para te ver feliz e que você ainda não aprendeu a valorizar. Talvez você ainda só saiba o valor do que se perde, pois a alma valoriza o que conquistamos.

Enquanto você se perde em sonhos mirabolantes de riquezas e espera pelo prêmio milionário da Loteria, a alma se contenta com o pouco abençoado pelo suor do seu trabalho e se alegra com o que você pode repartir. A alma é sempre generosa.

Enquanto você espera, a alma idealiza, 
enquanto você luta, a alma incentiva,
enquanto você cai, a alma ampara,
e quando você desiste, a alma chora,
lamenta a ilusão que cega os teus olhos.


Durante a noite, quando dormimos e morremos para a vida,
ela se ergue em liberdade e mostra onde podemos chegar.
Mas, por pura tolice e medo de nós mesmos,
achamos que tudo não passou de um sonho,
e voltamos para a aflição do dia que poderia ser muito melhor,

Porque nos afligimos com o que não temos,
queremos o que não nos pertence,
lutamos pelo que não quer mudar,
choramos pelos que não reparam nas nossas lágrimas,
e escondemos nossos desejos mais simples,
em troca de uma ilusão do mundo.

Qual é a meta da sua alma?
Pergunte-se.
Encare-se.
Encontre-se.
Pois a alma é simples e quando está satisfeita transforma você em um ser especial, invencível e admirado por ser simplesmente você!
Preencha-se!

 
Eu acredito em você

Paulo Roberto Gaefke
www.meuanjo.com.br

Exibições: 1432

Tags: alma, almas, da, de, desafios, meta, morte, objetivo, vida

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

Comentário de sayonara figueiroa em 10 fevereiro 2012 às 19:25

É realmente SER E TER,Nossa vida diária é um exercício que temos que retirar sempre os melhores ensinamentos,NÃO é o que nao podemos TER ,mais como TÉ-LOS  e continuarmos SERES HUMILDES DE PENSAMENTO E ATITUDES. NAO É RUIM TER BOA CONDIÇÃO FINANCEIRA ,porém O IMPORTANTE É PENSARMOS EM COMO ULTILIZÁ-LO PARA AJUDAR AO PRÓXIMO. O QUE MAIS IMPORTA,NAO É TER MAIS SIM SER,SER BOM,SER HONESTO,SER FIEL,SER HUMANO,SER LUZ QUE ILUMINA AOS CEGOS,NAO SO OS QUE TEM DEFICIENCIA,MAS OS CEGOS DE ESPIRITO. SOMOS FILHOS DO MESMO PAI UNIVERSAL,SOMOS FEITOS DA MESMA MATERIA.UM ABRAÇO DE LUZ. FIQUEM TAMBEM COM DEUS..

Comentário de lydia dias mendes em 9 dezembro 2011 às 20:08

Ainda vamos chegar la ,se DEUS nos permitir.

 

Comentário de Cristiane Ribeiro em 8 dezembro 2011 às 21:40

Linda mensagem e pura verdade. Temos tudo o que precisamos e ficamos cegos para o que temos de mais valor.Sempre é bom refletir sobre nossas atitudes e nossos desejos.

Comentário de Oscar Peixoto em 7 dezembro 2011 às 0:31

Lindo, mas lindo mesmo...

Comentário de Paulo Angelo Do Vale em 1 dezembro 2011 às 22:48

Se você quer lirismo, é muito bonito. Mas, se você quer se aprofundar na ciência espírita é muito superficial.

Comentário de Paulo Dantas Magno Filho em 1 dezembro 2011 às 15:04

Simplismente...simples....sublime....

Comentário de vera regina lembo em 27 novembro 2011 às 20:43

Que linda reflexão...e verdadeira!

Comentário de Paula Oliveira em 22 novembro 2011 às 7:21

Muito bonito, de tão simples que é...Como todas as coisas do Céu, simples.

 

Comentário de Dinara Carvalho Ferreira em 21 novembro 2011 às 16:39

O essencial é invisível aos olhos , assim como a simplicidade da alma e das coisas estão as verdadeiras riquezas que levaremos para outro plano quando deste partir,portanto, faz-se urgente e necessário preenchermos nosso espírito e marcar nosso perispírito de boas ações e pensamentos positivos diante Dele e da eternidade.

Comentário de Flavio Jose Brandao em 21 novembro 2011 às 15:29
Achei complementar em minha vida, parar para pensar na alma, coisa que raramente fazemos. Achei muito bonito sua colocação e acho que está completamente certo.
Se valorizassemos mais a alma, nossa vida, nossa terra, nossa confraternização, nossa humanização, seriam, certamente bem mais leves do que somos agora.
Parabéns, precisamos de textos assim para podermos pensar e refletir mais em nossos comportamentos.

© 2019   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!