A questão sobre o magnetismo animal e o nome "magnetismo" II

A ideia de que um fluido é transmitido entre seres vivos sustenta um número grande de terapias alternativas, como é o caso do Reiki, do Johrei, do Toque Terapêutico e do próprio passe espírita. Independente de qual 'teoria' esteja certa no contexto do debate considerado 'terminado' entre o vitalismo e o fisicalismo, evidências importam na demonstração de que, de fato, 'algo' é transferido entre os seres vivos, notadamente de curadores para pacientes e também para outros seres vivos.  

Para complicar ainda mais as coisas, o Espiritismo vai além e descobriu um terceiro elemento na complexa cadeia de processos de cura: os Espíritos desencarnados. Um médium de cura é um curador ou magnetizador capaz de manipular o fluido magnético potencializado pela ação dos Espíritos. Os Espírios podem tanto aumentar a capacidade curativa do fluido como suprimi-la completamente. Essa é a razão, talvez, porque muitos desses fenômenos não ocorrem de forma homogênea em todos os lugares da Terra. Também é a razão para não acreditar que eles possam atualmente prover uma terapia bem definida, ainda que complementar, tendo em vista seu caráter incontrolável.

Leia a integra deste post em: A questão sobre o magnetismo animal e o nome "magnetismo" II

Fonte: Blog Era do Espírito

Exibições: 162

Tags: espírita, johrei, magnetismo, passe, reiki

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

© 2019   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!