* Referência: Capítulos do Livro Seara dos Médiuns - Chico Xavier/Emmanuel (FEB).
Objetivo: estudo de questões do Livro dos Médiuns (LM) de Allan Kardec.
Roteiro: Meditação - Leitura da Questão - Curiosidades.
(Meditação sobre o capítulo 66-Obsessão e Evangelho)
Reunião pública de 9-9-60
Questão LM no.244.


Ainda hoje, encontramos quem faça pesadas críticas ao Espiritismo, conhecendo ou ignorando a matéria sobre qual discursa.

Kardec os chamou de detratores. E o termo é amplamente usado entre os eruditos.

Imaginemos este contexto: o mundo ocidental iniciou sua libertação do poder dos Bispos através de Martinho Lutero, em 1517, dividindo o Ocidente entre católicos e protestantes.

Ganhou caráter científico com o Iluminismo de Spinoza, por volta de 1650.
E se afirmou no Positivismo de Augusto Comte em 1855.

Ou seja, num curto período de 300 anos, os católicos viram os conceitos compilados em Roma, desde o século IV durante o império de Constântino, serem colocados em dúvida por todos os lados e maneiras possíveis!

Imaginem só isso!

Nem a chamada "Inquisição do Santo Ofício", que existiu em Roma até 1965(pasmem! até o pontificado de Paulo VI), conseguiu calar as consciências.

A Codificação Espírita surge enfrentando, por um lado, a reação Católica, por outro lado os Protestantes, por outro os materialistas extremistas.
Isso sem ter um exame digno e imparcial das classes acadêmicas ou científica.

Como, para nosso milenar espírito belicista, a melhor defesa é o ataque, de tudo o Espiritismo foi acusado pelos detratores: charlatanismo, embuste, causador de loucura, ilusão coletiva, esquizofrenia, mero efeito ideomotor, estalar de juntas dos médiuns, etc.

Nesse capítulo, Emmanuel comenta a acusação de que a obsessão seria causadapelo Espiritismo.

E nos lembra quando Jesus encontra o possuído no santuário (Lc 4:33-35), a gritar "o que temos nós contigo?".
Jesus repreende o espírito infeliz e liberta o assediado.
Era uma obsessão direta.

Revisa o auxílio ao pobre gadareno (Mc 5:2-13), vivendo qual animal feroz nos sepulcros.
Era obsessão, seguida de possessão e vampirismo.

Lembra do homem mudo (Mt 9:32-35), que teve restaurada a fala ao ser afastado o espírito perturbador pela bondade do Divino Benfeitor.
Obsessão complexa, atingindo corpo e alma.

Rememora a afirmação de João (Jo 13:2) de que um espírito perverso teria semeado no coração de Judas a negação do apostolado pela traição.

"Temos aí a obsessão indireta, em que a vítima padece influência aviltante, sem perder a própria responsabilidade." — explica Emmanuel.

Argumenta que Felipe (Atos 8:5-7) libertou, entre os samaritanos, muitos coxos e paralíticos pelo simples afastamento dos espíritos inferiores que os molestavam.
Eram obsessões coletivas, gerando moléstias-fantasmas.

A Doutrina Espírita renova o interesse humanitário pela obsessão. Interesse iniciado lá atrás, no Novo Testamento pelo Mestre Jesus.

Mas não deixemos que as críticas nos detenham.

"Estendamos o serviço de socorro aos processos obsessivos de qualquer procedência, porque os princípios de Allan Kardec revivem os ensinamentos de Jesus, na antiga batalha da luz contra a sombra e do bem contra o mal."

==&==


Esta é uma meditação histórica !! rsrsrs
Seara dos Médiuns > 66-Crítica ou clique aqui!
Curiosidades: aceita uma "crítica construtiva"?

http://estudandocomchicoxavier.wordpress.com/


Exibições: 1784

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

Comentário de Moises Almeida Oliveira em 31 março 2012 às 8:27

Quem não se esclarece vive cheio de dúvidas e isso muitas vezes enfraquece a fé, sendo que a razão quando utilizada não faz sentido, é como ver uma mágica sabendo ser um truque; aos curiosos e questionadores surgiu o espiritismo, muitos veem na palavra divina, não mais que uma rélis fonte de renda, são os pastores que usam os meios de comunicação para enganar multidões com promessas descabidas ou até mesmo ameaças, como se fossem para o inferno os fiéis que não pagam...

Comentário de Inacio Queiroz em 30 março 2012 às 16:01

Ah, Martinha,

Acho que agora entendi.

Tenho ficado muito feliz com as inúmeras frentes de estudo que se abriram ao nosso redor.

Vc com a reforma íntima, a Di com resumos do LM, Rosinha sempre levando os livros de referência para a Or12h, Jovino com a visão psicológica, AC com a palavra dos espíritos e os outros bem participativos.

Vivemos um momento muito legal.

Beijão ...

Comentário de Marta Valéria em 30 março 2012 às 15:50

Isso amigo, estava me referindo ao nosso trabalho.....e a "inquietação"  que você me passa ....é sobre a  importância do estudar.....Você está certíssimo !!!

Comentário de Inacio Queiroz em 30 março 2012 às 13:43

Olá amigos,

Comentários muito bacanas, como sempre.  Obrigado.

Na minha visão, para aqueles que argumentam sem conhecer a doutrina, o silêncio é a nossa melhor resposta.

Não nos esqueçamos que nós, muitas vezes, caimos nessa infantilidade de julgar sem conhecer.

Não somos nem santos nem perfeitos, senão já não estaríamos mais aqui nesse plano.

 

Martinha, não compreendi bem seu comentário. Percebeu algo?

Minha meditação é um reflexo das palavras de Emmanuel, com apenas alguns detalhes históricos extras.

 

Temas polêmicos como este geram importantes discussões para que a gente perceba se nosso comportamento é digno, é exarcebado ou se simplesmente ignoramos a questão como todo.

Recomendo a todo que vejam a parte das curiosidades lá no blog.

Ela complementa bem este estudo.

 

Beijão para todos.

Comentário de Marta Valéria em 30 março 2012 às 11:48

Oi amigo Inácio, querido companheiro de trabalho......saudades!

Sinto a sua inquietação neste estudo...

Mas deixo a " velha máxima" para nos fortalecermos...

Ela nunca estrá fora de nós e distante de Deus....confie !!!!!

Beijocas

Comentário de roque alves de souza em 30 março 2012 às 2:32

 COM CERTEZA NÂO TEMOS O DIREITO DE CRITICAR QUEM QUER QUE SEJA; PRECISAMOS SIM COMPREENDER SEM SER COMPREENDIDO, NÂO NOS ESQUEÇAMO,S QUE NÃO SE JOGA PEDRAS EM ÁRVORES QUE NÃO DÃO FRUTOS, SOMENTE SE JOGA QUANDO SE QUER OU PRECISA REMOVER ALGO QUE PRECISAMOS......ANALISEMOS COM CARINHO, ESTUDEMOS MAIS UM POUQUINHO TODOS  OS DIAS, OREMOS COM MAIS PACIÊNCIA, PERSEVEREMOS COM AMOR.   ;MUITA PAZ PRA TODOS.

Comentário de Lucilene Cruz da Silva em 29 março 2012 às 23:44

Palavras significativas, quando interiorizadas e refletidas...

 

 

 

 

Comentário de vilma alves da silva em 29 março 2012 às 23:21
bem lembrado este cometario de patricia figueroa quando se fala de chico e emanuel
Comentário de vilma alves da silva em 29 março 2012 às 23:21
bem lembrado este cometario de patricia figueroa quando se fala de chico e emanuel
Comentário de paula de menezes em 29 março 2012 às 16:19

É mais fácil atacar o desconhecido do que procurar conhecer a verdade, mas esta sempre se fará presente.

© 2020   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!