Quando REENCARNAMOS, já temos uma PROFISSÃO DEFINIDA ?

1- Todos reencarnamos com uma profissão definida?

- Pode acontecer, mas nem sempre há margem para escolha. Se o Espírito reencarna entre camponeses, em distante rincão, dificilmente deixará de ser um trabalhador do campo.

2 - Na vida urbana há mais opções?

- Sim, mas levando-se em consideração as aquisições pretéritas. Seria pouco produtivo, por exemplo, vincular o reencarnante à cirurgia neurocerebral, área médica altamente especializada, se jamais foi discípulo de Hipócrates.

3 - A competência profissional teria algo a ver com reencarnações pretéritas?

- Tendências inatas e habilidade para determinada atividade profissional revelam vivências passadas. O que fizemos com assiduidade no pretérito, faremos com desenvoltura no presente.

4 - Podemos dizer que o melhor profissional será sempre aquele vinculado a atividades que exercitou anteriormente?

- É algo ponderável. Não obstante, mais importante que a habilidade conquistada no passado é o empenho do presente. O melhor profissional nem sempre é o mais experiente, mas o mais dedicado.

5 - Não seria produtivo que, além da dedicação, procurássemos nos vincular a atividades para as quais temos facilidade, em virtude das experiências do pretérito?

- Em termos, considerando-se que a própria evolução da sociedade humana impõe novas opções. Isso ocorre particularmente na atualidade, em que o trabalho braçal vai sendo substituído pela tecnologia. Hoje somos chamados ao exercício da inteligência, em atividades ligadas à informática, a partir da revolução disparada pelos computadores. Isso tudo constitui novidade para nós.

6 - A genética tem algo a ver com a habilidade profissional?

- Pode acontecer. Notamos que determinados profissionais possuem uma estrutura física adequada ao exercício de sua profissão. Grandes cirurgiões, por exemplo, têm um sistema nervoso bastante estável e grande habilidade manual, fundamentais à cirurgia.

7 - Isso seria determinado pelo acaso, na combinação dos elementos hereditários?

- Deus não combina elementos hereditários como quem joga dados, mesmo porque a biologia é instrumento de Deus, não a sua limitação.

8 - Como Deus atua, biologicamente, para preparar o corpo de um cirurgião?

- Técnicos da espiritualidade estudam os componentes genéticos dos pais e selecionam aqueles que melhor se ajustem às necessidades do reencarnante, dando-lhe uma estrutura física adequada à atividade que irá exercitar.

Richard Simonetti

Exibições: 642

Tags: ?, DEFINIDA, PROFISSÃO, Quando, REENCARNAMOS, , temos, uma

Comentar

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

Comentário de Nizomar Sampaio Barros em 27 junho 2019 às 22:18

Às vezes, por necessidade cármica, numa determinada encarnação, para avançar espiritualmente, somos obrigados a desenvolver novas aptidões, congelando as que já possuímos. O trabalho é penoso, mas, se cumprida a programação, voltaremos a nos reintegrar na posse das que gostamos. Faz parte da vida espiritual.   

Comentário de Ruy Ermelindo Nogueira Barbosa em 26 junho 2019 às 16:20

Bem explicado. Gostei.

Comentário de Nizomar Sampaio Barros em 26 junho 2019 às 13:07

Não. Trazemos possibilidades, vocações, que podemos realizar ou não. Tudo dependendores da dinâmica do Espírito e de fatores cármicos.

Comentário de marcia leonides lima loureiro em 26 junho 2019 às 0:48

Muito interessante. Gratidão!

Comentário de Cidmar Valentim em 26 junho 2019 às 0:41

Esta matéria toca profundo em mim pois NÃO me identifico em nada com o que faço,faço por sobrevivência e não por opção.O meu ser interior diz eu estar em outra condição até similar mas a realidade é totalmente oposta.Sei que é da permissão divina mas totalmente contraditório ao meu ser interior.Acredito que em outra reencarnação,fui ou na próxima serei o que verdadeiramente sinto e tenho admiração.Sou apaixonado por umas 4/quatro artes que muito admiro nas pessoas mas também NÃO tenho a minima vocação/dom.

© 2019   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!