josé roberto gomes dos santos
  • Masculino
  • são paulo
  • Brasil
Compartilhar no Facebook
Compartilhar
  • Blog - Assuntos em Destaque
  • Tópicos
  • Eventos
  • Grupos
  • Fotos
  • Álbuns de Fotos
  • Vídeos (1)

Amigos de José roberto gomes dos santos

  • Ana Paula Ps
  • Leandro Rocha
  • Garbem Simões
  • maria santos

Presentes recebidos

Presente

josé roberto gomes dos santos ainda não recebeu nenhum presente

Dar um presente

 

Página de josé roberto gomes dos santos

Informações do Perfil

Interesse(s) principal(is) nesta Rede Social:
Doutrina Espírita (Allan Kardec)
Faixa Etária (idade)
36-45
Relacionamento
Casado(a)

Vídeos de josé roberto gomes dos santos

  • Adicionar vídeo
  • Exibir todos

Caixa de Recados (3 comentários)

Você precisa ser um membro de Espirit book para adicionar comentários!

Entrar em Espirit book

Às 17:16 em 25 março 2012, maria santos disse...

FAROL 

Luz que ilumina ao longe, 
Servindo de abrigo 
Ao perdido viajante, 
Livrando-o do perigo. 

Luz que mostra o caminho 
Clareando parte do oceano, 
Orientando o navegador 
Na trajetória, sem dano. 

É a luz do farol espiritual 
Tentando nos orientar. 
E nós, como viajantes perdidos, 
Não conseguimos enxergar. 

Um pequeno raio de luz 
Que nos mostra o caminho, 
Evitando tantos tropeços: 
Dor, sofrimento e espinho. 

Precisamos olhar pra dentro, 
E tentarmos ver este raio de luz 
Que nos desperta do sono, 
Fazendo-nos sentir Jesus. 

LIVRO MENSAGENS 
EM POESIAS DE AUTORES DIVERSOS

Às 11:05 em 7 março 2012, maria santos disse...

Na Floresta não existe nem rebanho, nem pastor; Quando o inverno caminha, segue seu distinto curso como faz a primavera; Os homens nasceram escravos daquele que repudia a submissão; Se ele um dia se levanta, lhes indica o caminho, com ele caminharão.
Dá-me a flauta e canta! O canto é o pasto das mentes, e o lamento da flauta perdura mais que rebanho e pastor.

Na floresta não existe ignorante ou sábio; Quando os ramos se agitam, a ninguém reverenciam; O saber humano é ilusório como a cerração dos campos que se esvai quando o sol se levanta no horizonte. Dá-me a flauta e canta! O canto é o melhor saber, e o lamento da flauta sobrevive ao cintilar das estrelas.

Na floresta só existe lembrança dos amorosos; Os que dominaram o mundo e oprimiram e conquistaram, seus nomes são como letras dos nomes dos criminosos; Conquistador entre nós é aquele que sabe amar. Dá-me a flauta e canta! E esquece a injustiça do opressor. Pois o lírio é uma taça para o orvalho e não para o sangue.

Na floresta não há crítico nem sensor; Se as gazelas se perturbam quando avistam companheiro, a águia não diz: ‘Que estranho’. Sábio entre nós é aquele que julga estranho apenas o que é estranho. Ah, dá-me a flauta e canta! O canto é a melhor loucura e o lamento da flauta sobrevive aos ponderados e aos racionais.

Na floresta não existem homens livres ou escravos; Todas as glórias são vãs como borbulhas na água; Quando a amendoeira lança suas flores sobre o espinheiro, não diz: ‘Ele é desprezível e eu sou um grande senhor’. Dá-me a flauta e canta! Que o canto é glória autêntica, e o lamento da flauta sobrevive ao nobre e ao vil.

Na floresta não existe fortaleza ou fragilidade; Quando o leão ruge não dizem: ‘Ele é temível’. A vontade humana é apenas uma sombra que vagueia no espaço do pensamento, e o direito dos homens fenece como folhas de outono. Dá-me a flauta e canta! O canto é a força do espírito, e o lamento da flauta sobrevive ao apagamento dos sóis.

Na floresta não há morte nem apuros; A alegria não morre quando se vai a primavera; O pavor da morte é uma quimera que se insinua no coração; Pois quem vive uma primavera é como se houvesse vivido séculos. Dá-me a flauta e canta! O canto é o segredo da vida eterna, e o lamento da flauta permanecerá após findar-se a existência."
(Khalil Gibran) 

http://www.youtube.com/watch?v=4gIwWMMgURY

Às 13:12 em 31 janeiro 2012, adão de araujo disse...

Oi  José Roberto. Seja bem vindo. Vamos estudar e aprender muito, no Espiritbook.

Tá fazendo muito calor aí, mano? rsrsrsrsrsrsrrsrsrsrsrsr

 
 
 

© 2021   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!