Ainda a pouco encontrava-me na esquina, refletindo sobre a vida, quando um carro passou dando sinal de luz para mim. Deu a volta na avenida, sinalizou novamente e parou. Aproximei-me para ver de quem se tratava. Era um jovem senhor, como eu, que me falou o seguinte: “Ta perdido?... Vamos dar umas voltinhas...Vamos nos divertir um pouquinho!?” Olhei em seus olhos, com um pequeno sorriso, e, de uma forma afetuosa, respondi-lhe: “Meu irmão, respeito suas escolhas mas tenho as minhas; sigo por outro caminho. A única coisa que tenho para lhe oferecer é apenas o meu amor, por isso quero que siga em paz!” Pareceu surpreendido comigo, devolveu-me o sorriso, desejou-me boa noite, e se foi. 

Em tempos idos eu o xingaria; lhe ofendia; oferecia-lhe todo o meu desprezo; eu era um doente, mas Jesus me curou!

** 

"Quando conseguires ver a doença de quem tanto odeias; a ambição dos que se demandam pela posse; a febre dos que se perdem na paixão; a mágoa dos desesperados que renegam a própria fé; a angustia dos quantos se desequilibram nos hábitos infelizes; não te sentira em condição de condenares a ninguém."
- ESPÍRITO EMMANUEL 

"Reconhece-se o verdadeiro espírita pela sua transformação moral, e pelos esforços que faz para domar as suas más inclinações" 
- ALLAN KARDEC

***

(a) R.S.DURANT DART (O Arrebol Espírita)

http://rsdurantdart.blogspot.com.br

Exibições: 48

© 2020   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!