sempre devemos dar a outra face?

Encontrei este questionamento em um tópico, ao qual participo, e me identifiquei muito com ele.
Desta forma, segue a pergunta:
bom dia á todos a minha dúvida é a seguinte: tentamos uma vida inteira conquistar o carinho ,o amor de alguém que nos fere e nos magoa,na verdade por muitos anos isso não me incomodou,tenho três pessoas em especial...são da minha família que tento fazer o melhor sempre mas não obtive sucesso será que isso tem a ver com vidas passadas? brigamos muito ou melhor...elas brigam sozinhas e infelismente sinto ódio e raiva em seus gestos e suas palavras e acho que estou cansando de tentar minha forma de estar perto delas é em oração pois peço á Deus todos os dias que meu coração não se contamine com sentimentos tão tristes peço para que aumente a minha fé a cada dia e não me deixe cair mas ás vezes fico muito chateada com elas e sinto que não tem mais jeito...obrigada sempre

Tags: amor, dor, familia, perdão, resgate, sofrimento

Exibições: 81

Responder esta

Respostas a este tópico

Bom, são poucas as pessoas que dão o outro lado da face para bater. Creio que todos devemos ter inteligencia emocional para sabermos lidar com as "perturbações" do dia a dia. As brigas entre famílias sempre irão acontecer por que cada pessoa tem ponto de vista diferente. Depois que o estresse da discussão acabar, sentar e conversar com as pessoas que estavam brigando é uma coisa correta de se fazer, pois é somente neste momento que elas estarão mais calmas. As pessoas brigam muito por motivos fúteis, mas ninguém é perfeito. Quando uma pessoa está com raiva não pensa no que irá falar, pensa somente em machucar a outra pessoa com palavras desnecessárias. Se nós ficarmos tristes acontece uma queda em nossa energia e faz com que fiquemos doente. Não devemos se colocar no lugar das pessoas que estão brigando pois se fizermos isso estaremos pegando os sentimentos deles, as energias negativas deles e com isso ficaremos mais doente ainda; por que depois sempre nos iremos relembrar daquele momento triste e ficaremos deprimidos. Não devemos fazer isso nunca; pois enquanto você esta triste a outra pessoa não estará ligando. (ou seja, ficar remoendo brigas passadas não é uma coisa lógica e nem sensata de se fazer. Todos nós ficamos chateados com algo; Sempre devemos pensar positivo para que não ocorra mais brigas e também não ligar se ocorrer. (pois se não ligarmos as pessoas olham para aquilo e apresentam um comportamento diferente). Ou seja, Inteligência emocional sempre.

Querida Mia a sua questão tem tantas respostas......

 

Seguindo o seu relato, a "outra face", pra você, pode significar um outro modo de agir e cuidar de sua própria vida. Procure não ficar sob a palmatória de pessoas que estão "felizes" vivendo a própria  ignorância. Saber compreender isso, te deixará mais calma. Não será você que irá mudá-los com o seu amor. Pense também, se você não "projetou" nessas pessoas "uma beleza" que elas ainda não podem oferecer. Ame-as do jeito que são. Não se sinta superior a elas por que elas brigam ou dizem palavras que você não gosta. Cada pessoa tem o próprio tempo de reconhecer o amor.  Assim também é você. Ore por elas, mas fique ciente de que a transformação de cada um é de responsabilidade de cada um.  A sua raiva pode ter origem em uma necessidade frustrada.

 

Cuide-se! Trate bem de sua saúde e de seus pensamentos. Peça à Deus pelos seus entes queridos,com carinho, mas não peça para que eles "se transformem", simplesmente peça para que eles sejam felizes e você também !!!!

 

Muita paz pra você!

Abraços fraternos!!!!

Eu não consigo oferecer a outra face na literalidade...

Mas sempre quando acontece algo que me machuca, procuro seguir em frente e ignoro as pessoas que me fazem mal, porque acredito que devemos fazer laços com quem nos acrescenta algo, e nos faz bem e desatar as nós com os que nos magoam e sufocam!

Porque laços enfeitam e Nós apertam!

Toda ação tem ma reação, e a minha é ignorar, desfazendo o nó com essa pessoa!

abraço)

Leorena

 

abraço

Então cara amiga..

procuro fazer isso..mas as vezes o peso disso tudo é mto grande..fico meio que sem saída em relação ao que fazer ou não.

Penso que na realidade é mais prejudicial a eles que a mim..mas mesmo assim.me sinto as vezes com mta raiva!

 

Bjsss

Nós temos um entendimento histórico errado da passagem 'dar a outra face'.

Na Judéia, época de Jesus, a lei dizia que um devedor poderia quitar uma dívida levando uma surra do credor, mas este não poderia bater-lhe na face, símbolo da dignidade. Então Jesus propõe: se alguém te bater na face, dá-lhe a outra.

A pessoa poderia ainda quitar uma dívida entregando seus bens, mas a lei não permitia que lhe levassem a capa, pois é direito de todos dispor de uma capa. E Jesus propõe: se alguém levar sua túnica, dê-lhe também a capa.

 

São passagens que nos chamam a trabalhar o orgulho, a vaidade e o desapego.

Não resistir ao mal, porque ao resistir nos sujamos com ele.

 

Porém, devemos ser "puros como a pomba e sábios como a serpente".

Se Jesus não colocou nenhuma resistência aos guardas que o prenderam, ele foi bem duro com os Fariseus.

Por que?

Porque ele não tinha como desepertar soldados para uma realidade superior. Eles não entenderiam.

Mas os fariseus tinham essa condição.

 

Nisso, há um ensinamento brilhante: minha resistência não deve FERIR quem me maltrata, mas EDUCAR.

Se meu filho tenta me dar uma chinelada, eu resisto, mostro para ele que é errado e que carinho é melhor.

Se tem um adulto que eu amo e que me maltrata, eu tento inicialmente fazer o mesmo. E se não consigo, eu silencio e me afasto, sem deixar de lhe entregar meu carinho e meu exemplo de viver bem.

O silêncio define um distanciamento saudável e o exemplo fala mais alto do que qualquer crítica. 

Se eu devo amar o próximo como amo a mim mesmo, não posso deixar que me maltratem em nome do amor.

Não estarei me amando. Então, me afasto um pouco mais, sem deixar de estar presente e sem permitir que a agressão me alcance.

Para cada amor, há uma distância certa. Sabemos que a distância está errada ou quando há agressões e tristezas (perto demais) ou quando o amor começa a morrer (loge demais).

Abração ...

Responder à discussão

RSS

© 2019   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!