Caros Irmãos e Irmãs!

Adiciono o tema sobre Viagem Astral ou se quiserem "Desdobramento do Espírito" para que possamos discutir sobre as verdades e os mitos que envolvem este assunto tão controverso.

Paz Profunda! 

Exibições: 1488

Responder esta

Respostas a este tópico

Boa tarde irmão, ate onde aprendi e sei, temos que tomar muito cuidado com o desdobramento do espirito, pois o espirito fica ligado ao corpo ,mas se afasta com o desdobramento e sabemos que temos os afins e os não afins no mundo espiritual, por isso peço á quem tem este dom para que estude mais a respeito, pois ao meu ver e verdade sim !  .

Caro Irmão Roberto Carvalho, me chamo Carlos Renan. Tenho uma duvida a respeito. É possível a outro Espírito romper o cordão fluídico de quem se encontra em desdobramento?

Olá Carlos Renan, bom dia.

Fica minha informação a partir dos meus estudos e ''pesquisas'': Não, não é possível. Alguns pensam que espíritos elevados, por exemplo os de 1 ordem poderiam fazer isso. Bem como os espíritos super intelectualizados que trabalham na linha do mal.

Mas no geral, durante o desdobramento em sono fisico, bem como em situação de grande tensão, euforia e outros, negativo.

Abraços Fraternos. 

Queridos amigos, bom dia,

Acho a questão do desdobramento muito interessante. 

Meus estudos e ''pesquisas'' até o momento me levaram a algumas informações:

* todas as vezes que dormimos fisicamente, desdobramos

* podemos desdobrar em outras situações, como em momentos de forte tensão ou de emoções ''fervendo'' e nem perceber, mas esse seria um desdobramento parcial, onde ganhamos apenas mais alguma consciência ou sensibilidade momentânea e rápida.(em andamento essa pesquisa)

* quando desdobramos, ganhamos consciência a mais. Nesse caso, muitos de nós ao orar antes de dormir pedimos para ir para uma escola espiritual mas após desdobrar, com a consciência  ''amplificada'' mudamos nossa opção e muitas vezes depreparados, vamos a locais de trabalhos, umbrais.

* pessoas que se ligam por pensamento podem se encontrar desdobrados.

* pessoas com forte ligação emocional podem incondicionalmente trocar informações, pedir ajuda, expressar sentimentos que no plano extrafísico, devido a distancia ou as condições da vida física, não ocorrem.

* todos desdobram, mas existem pessoas que tem mediunidade voltada a questão pois, ao se desdobrarem trabalham com espiritos, junto a eles. E isso lhes permite o uso da energia vital do médium. 

* Induzir o desdobramento alheio é muito perigoso, ele é um processo natural. Ou deve ser induzido por pessoas realmente capacitadas, o que é bem dificil de identificar.

Entre outras, o tema é muito bacana!!

O que acham?

Abraços

Se vc mantém pensamentos elevados, e estuda sobre projeção, a projeção n é perigosa. Diferente do q mtos pensam a projeção n é uma mediunidade, é um processo animíco, passível de ser desenvolvido. Eu n projetava até dois anos atrás até quando comecei a estudar sobre o assunto e comecei a fazer técnicas energéticas. Recomendo esse site para quem se interessa.

www.viagemastral.com

forum do site: www.viagemastral.com/gva

Esse tema é bastante expansivo e precisa ser muito difundido, discutido e divulgado por nós. Mesmo assim obrigado pelas informações. Paz e luz.

Eu acho o tema de muita grandeza! 

Temos que estudar mais, but...a forma recreacional como algumas instituições abordam o tema pode ser bem desastrosa para algumas pessoas com a ''cabeça'' menos organizada! Ai vem a questão: como seria uma cabeça organizada?

Mas acima de tudo, sigo uma ideia que diz que, não e a espiritualidade que se molda a gente, digo, fica muito fácil procurar o que achamos mais legal, que tem o cenário mais bacana. A espiritualidade é dinâmica, claro!

Mas somos nós que devemos entende-la e nos moldar. E não procurar uma que se molde a nós, colocando-nos numa zona de prazer, conforto e viagem.

O desdobramento é natural do ser. Induzido ou natural! Não é mediunidade mas tem mediuns que são ''chamados'' para se desdobrarem, e desdobrados permitem a incorporação de espirito em alma desdobrada, com a finalidade de ações espirituais que exijam mais FORÇA. Mas claro, estou apenas expondo uma ideia, que não pode ser comprovada, uma possibilidade. 

Falar com absolutismo do tema e concluir com segurança pode mostrar segurança para com quem conclui.

Mas muitas experiencias quando nos outros, pode ''arder''.

Há casos de experiencias mal sucedidas dentre um monete de bem sucedidas. Muitos parecem preparados, vão na fé e na confiança depois beiram a esquizofrenia....segundo alguns relatos não meus, nem estudos onde me aprofundei de verdade. Então recomendo cuidado com a pratica ''meio recreacional, meio hitech, meio vou na fé''...pois muitos que se sentem bem, muitas vezes não estão bem de fato.

Abraços amigos e irmãos

Caros irmãos. Esta prática de viagem astral ou desdobramento provocado quando praticado isolamente sem um mestre que nos auxilie é muito perigosa. Nos meus idos 23 anos de idade pratiquei muito a viagem astral aprendida em um livro do autor Lobsang Rampa,  um oriental. Bem no início só conseguia sentir um torpor no corpo e me sentia deslocando-me do corpo físico, mas sentia medo de prosseguir. Uma vez consegui volitar dentro de um quarto por muito tempo e não tive coragem de transpor a janela do quarto e galgar outras dimensões. O que aconteceu comigo foi uma experiência muito pessoal e tive problemas mentais, no início diagnosticada pelos médicos como esquisofrenia e muitos anos depois fui diagnosticado como portador de transtorno bipolar. Não sei se foi a prática da viagem astral que desencadeou o processo de tanstorno psiquico ou se eu já tinha predisposição para a doença, mas que o transtorno psiquíco se deu no período em que praticava a técnica de viagem astral provocada. Porém no próprio livro que aprendi tinha a advertência do perigo que estava correndo quando praticava sem um mestre orientador. Abraços irmãos espero ter contribuído para o tema.

       Caros irmãos. É meu primeiro contato com este grupo debatendo sobre os perigos de uma viagem astral. Porem já tive algumas experiências nesse sentido. Concordo com os amigos que já opinaram a repeito, e se me for permitido, fazer minha colocação.Podemos nos desdobrar com segurança em trabalhos espirituais₢om o objetivo de auxíliar as pessoas carentes de atendimento espiritual que virá a refletir em seu estado físico, como é o caso do atendimento desobsessivo com a presença, ou não do atendido efetuado pelos grupos de Apometria Me referi a esta técnica, porque me sinto muito bem desdobrado nestas circunstâncias e então nossa visão à distancia se torna límpida e clara como se estivéssemos assistido um filme do ponto de vista da câmera.Vamos ao passado, ou vidas passadas para elucidar certos transtornos dos quais, é portador nosso atendido.Esta é apenas uma das oportunidades para se" viajar" com segurança pelos planos imediatos ao plano físico.Sair por aí fazendo turismo no astral ou mental, sem conhecimentos ou sem qualquer guia como fiz algumas vezes quando era mais ´jovem, nem pensar--Parabéns por ter iniciado este tema tão fascinante.--Por acaso voce, Roberto, não foi colega do Wagner Borges?

    Espero que este tema continue por mais tempo. Nunca é demais aprender com os colegas projetores e demais viajantes dos planos onde temos permissão de ir 

Amigo Carlos Roberto,

Elucidativo o seu comentário mas ao meu ver, restou dar uma enfase na parte ''.Podemos nos desdobrar com segurança em trabalhos espirituais PARA PESSOAS PREPARADAS.''

EU acho bem conveniente deixar bem claro que não é qualquer um que pode fazer, a partir de tecnicas ou de estudos básicos. Vemos o caso do amigo Gilson ali em cima. 

Quase todos se acham preparados, escolhidos, fortes...e muitos só percebem quando o retorno está complicado. 

Então, só gostaria de acrescentar que, a maturidade faz a diferença. A pessoas que vão levar uma vida toda estudando e se moralizando, e mesmo assim não vão estar aptas a fazer uma viagem astral induzida.

Eu por exemplo não posso nem pensar em fazer qualquer tipo de experiencia induzida. Eu até consigo algumas coisas dentro do mundo extrafísico. Mas quando eu induzo, as coisas começam a caminhar para o que parece ser bipolaridade ou esquizofrenia.

Mas, os meus desdobramentos naturais em sono fisico são incriveis. Recebo noticias durante o sono, e ao acordar, a pessoa que queria me contar liga e diz: ''fabio, isso...isso e isso''.

Ok ok. Uma vez seria coincidência. Diversas vezes e fato constatado. Entre outras coisas.

Tudo o que eu induzo, da errado. Como se eu não tivesse o ''direito'' de fazer sem que seja natural.

Conheço um e outro na mesma condição e já nem pensamos mais em desenvolver.

A Apometria elucidou algo em relação a isso.

Grande abraço!

  Caro irmão, queira me desculpar por ter veiculado uma informação incompleta. O que ocorre é que o dsdobramento para mim sempre foi muito espontâneo. Porem já tive percalços no caminho. Antes de ter me tratado na Fraternidade Espiritual Dr. Lourenço no ano 2000 costumava fazer viagens astrais em companhia de uma amiga que esteve nas aulas do prof. Wagner Borges em seu Instituto de pesquisas. Porem ela se desdobrava, ou melhor, se projetava e não trazia qualquer lembrança de suas andanças por onde esteve e o que fez. Daí a nós começarmos nos desdobrar juntos foi um pulo. Como eu estava interessado nela como mulher,gerou uma certa desconfiança da parte dela, apesar de eu sempre ter sido correto, no sentido de observar as leis que envolvem essa atividade de não invadir a privacidade e de outras mais que não cabem aqui e outras ações que vão contra os direitos como pessoa, de quem quer que seja.

       Após termos nos desdobrado e retornado em segurança proporcionada pelos mestres e mentores que permitiram nossa incursão aos planos astral e mental Foi possível observar  algumas lições que praticamente só serviram para mim, porque minha amiga só se interessava por baladas e futilidades da vida. Por assuntos de projeção astral, mais por interesses fúteis.

  Depois do retorno eu pacientemente redigia um roteiro por onde tínhamos andado e o que havíamos

 feito e oque foi ensinado a nós dois. Porem como eu estava muito necessitado de tratamento espiritual, durante um dos desdobramentos  me foi sugerido pelo nosso amigo espiritual, que eu procurasse ajuda. Foi nessa oportunidade que vim aconhecer a Fraternidade, passei por tratamento

 e gostei tanto que fique ieintusiasmado com a técnica. Já estava a procura de um lugar para doar um pouco das minhas energias, então pedi que me aceitassem como aluno nas aulas de Apometria.

  Durante esse período um pouco antes ter feito tratamento, ocorreu um ataque de um espírito disforme que me segurou ao sair do corpo, e estava me sufocando Senti medo e chamei por socorro que veio de imediato.---Acho que já me estendi demais por ora --- Muita Paz no coração irmãos   --Fiquei na Fraternidade durante seis anos trabalhando como voluntário.

Fabio, uma dúvida, gosto muito de fazer relaxamento, gravei vários videos no mp3 e quando vou dormir, faço isso é perigoso? Marilda

 

Responder à discussão

RSS

© 2021   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!