"Geralmente os coraçoes generosos nao sabem se defender do mal porque nao cogitaram dele. Acostumados a viver espontaneamente, junto da sinceridade, relaxam a vigilancia que, aparentemente, nao se torna necessaria. Aprendem a confiar nos outros e sò descobrem que os outros mentem quando caem em uma grande desilusao."

 


Gostaria de refletir sob esta frase. Pessoas verdadeiras, sensìveis e batalhadoras, inocentes e confiantes geralmente atraem pessoas negativas, problemàticas, aproveitadoras e ingratas. Dificilmente desistem de lutar pela pessoa, e sò depois de varias humilhaçoes caem numa profunda tristeza, dizem que aprenderam a liçao mas tornam a cair na mesma desilusao com outra pessoa das mesmas caracteristicas.

Tudo isso me faz pensar que:

- os opostos se atraem

- a vida è uma escola, e atè quando nao se aprender a liçao, a mesma situaçao reapareçerà

- pessoas fracas espiritualmente e com poucas energias se encostam a pessoas de um nìvel espiritual mais alto para "roubar" energias

- os coraçoes generosos muitas vezes se sentem inseguros e procuram na pessoa problematica a proteçao que querem, expondo- se sem querer a um perigo maior.

 

Qual a vossa opiniao sobre o assunto? Como lidar com estas pessoas?

Um abraço carinhoso,

Desirèe

 

 

 

 

 

Exibições: 155

Responder esta

© 2021   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!