Clonagem Humana, do ponto de vista espiritual, é um erro ?

Qual sua opinião sobre a Clonagem Humana, do ponto de vista espiritual ? Estamos pisando em um terreno delicado ? É apenas mais uma avanço científico, sem maiores consequências ? Como ficam os espíritos que reencarnarão nesta situação ? No fundo, é a mesma situação do reencarne de gêmeos idênticos ? E questão ética ?

Tags: clonagem, clone, gêmeos

Exibições: 4482

Responder esta

Respostas a este tópico

Mas como a antroposofia vê um ser espiritual que é responsável por uma comunidade ou nação?

Abração.

Será possível um corpo sem espírito?

Não é o perispírito que determina a matriz biológica para construção dos órgãos?

Abração.

Humm... provavelmente não nos dias de hoje, mas quem sabe no futuro inventam algo orgânico que vá por esse caminho?

Difícil responder com o nosso conhecimento atual...

Olá, Inácio,

 

Existem seres espirituais, não humanos, associados a uma pessoa (um anjo), ou uma nação (um arcanjo) ou uma época (um arqueu), por isso podemos falar em "anjo da guarda", "espírito de um povo" ou "espírito de uma época", mas eles não podem mais interferir diretamente em cada indivíduo. Eles estão esperando para ajudar, desde que chamados para isso em liberdade.

aaaaaaaaaaaaaa, VWS.

Olá, Vinícius,

Um dos grandes problemas é que esses "clones" são de certa maneira artificiais, e com isso há a possibilidade de incorporação de seres adversos à evolução da humanidade; em lugar de a pessoa ter um Eu humano, poderá ser dominada por entidades terrivelmente maléficas. Um outro problema é que essas entidades são infinitamente inteligentes e saberão disfarçar-se para que não se perceba de quem realmente se trata.

O mais importante nesse assunto é se reconhecer que, por trás dos transgênicos e da clonagem humana (em animais já se faz esta última há muito tempo, por exemplo com subdivisão de embriões de vacas), encontra-se uma das piores formas de materialismo. Qualquer justificativa que se dê à clonagem humana é materialista. Sem levar em conta o espírito, é impossível abarcar-se o ser humano em sua totalidade.

aaaaaaaaaaaaaaa, VWS.

Entendi. Abração.

Olá Valdemar, seu ponto de vista é válido sim, na minha opinião...

O que imaginei quando coloquei minha idéia sobre o assunto é na possibilidade de nós utilizarmos a clonagem humana como um estudo/experiência com um viés a ajudar o ser humano, em casos relacionados a transplantes de órgãos ou algo assim, considerando a compatibilidade necessária para realizar tal ação. E quando me refiro a um clone "artificial", o que vem a minha imaginação não é um ser humano clonado e sim algum tipo de "coisa", sem vida/espírito, que possibilite gerar órgãos artificiais (orgânicos) que possam ser retirados e transplantados, de acordo com a necessidade.

Com relação a possibilidade de se criar um clone humano, como se criou de animais, não acho que seja impossível (não que seja certo!!!), mas de certa maneira apenas o corpo material seria igual ao da matriz, o espirito que habitará esse corpo, por sua vez não tem nada a ver com essa história e não creio que Deus permitiria encarnar nesse corpo algo que não estivesse de acordo.

Óbvio que são apenas minhas idéias... mas é interessante ver a opinião de outras pessoas!!! VALEU!!!
Considerando válidas todas as opiniões manifestadas até agora, do ponto de vista ético, científico, religioso e filosófico, não sei se é para tanto nossa preocupação com a clonagem humana. Primeiro, que acredito que DEUS está no controle de todas as ações de suas criações, ou criaturas, de forma direta ou indireta, que seja!, apesar do nosso livre-arbítrio - que não é ilimitado, não!!! Segundo, como já foi dito, no caso da energia nuclear, que nasceu praticamente para servir ao mal, mas que hoje é utilizada em ínumeras áreas, principalmente médicas, para o bem (ainda que discutível sua utilização como fonte de energia elétrica!); depois as pesquisas com concepção 'in vitro' para posterior gestação no ventre materno (ou "barriga de aluguel"), que tantos casais impossibilitados, têm ajudado, mas que eram vistas como aberrações, no começo, amaldiçoadas pelas religiões, levadas aos tribunias, par, finalmente, serem aceitas pela sociedade.
No caso da clonagem, acho que o caminho será o mesmo, até finalmente a ciência e religião (entenda-se: sociedade) encontrarem um ponto de equilíbrio, quiçá terapêutico, para ajudar muita gente...
Considerando como válidas todas as opiniões manifestadas até agora, do ponto de vista ético, científico, religioso e filosófico, não sei se é para tanto nossa preocupação com a clonagem humana! Primeiro, porque acredito que DEUS está no controle de todas as ações de suas criações, ou criaturas, de forma direta ou indireta (que seja!), apesar do nosso livre-arbítrio - que não é ilimitado, não!!! Segundo, como já foi dito, no caso da energia nuclear, que nasceu praticamente para servir ao mal, mas que hoje é utilizada em inúmeras áreas, principalmente médicas, para o bem (ainda que discutível sua utilização como fonte de energia elétrica!); depois pelas pesquisas com concepção 'in vitro' para posterior gestação no ventre materno (ou "barriga de aluguel"), que tantos casais impossibilitados, têm ajudado, mas que eram vistas como aberrações, no começo, amaldiçoadas pelas religiões, levadas aos tribunais, para, finalmente, serem aceitas pela sociedade.
No caso da clonagem, acho que o caminho será o mesmo, até finalmente a ciência e religião (entenda-se: sociedade!) encontrarem um ponto de equilíbrio, quiçá terapêutico, juntamente com as pesquisas de 'células-tronco', que possibilitem ajudar muita gente!!! A conferir...
Sim concordo com vc, no que tange a descobrir novidades, e depois as mesmas serem usadas para o bem, mas daí clonar um ser humano, eu vejo uma enorme diferença entre uma coisa e outra,  isso não seria o fim da religião então? Agora deu um nó na minha cabeça, rsrsrsrs, então porque acreditariam nessa ou naquela religião, ou até no próprio Deus, se o ser humano estaria criando as pessoas... ??????
Leorena, acredito que toda pesquisa e avanço na área da Ciência, segue uma programação prévia da Espiritualidade, então, admitindo-se como válida esta tese, toda criação humana não é nenhuma 'invencionice' sem nexo, contudo, o bom uso ou o mau uso que o ser humano dá a estas coisas está dentro do seu livre-arbítrio, até um certo limite imposto pela Leis Divinas. Para mim, não há dúvida sobre isso!

uhnmmm, olhando por esse foco de Programação da Espiritualidade, até que faz  sentido!

E quanto ao livre arbítrio concordo em gênero,  numero e grau! Cabe a Raça Humana isso mesmo, saber fazer o bom  uso das novas conquistas!

abraç0)

Responder à discussão

RSS

© 2019   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!