Atitude diante das dificuldades... quando as respostas do Alto parecem demorar...

Relato de uma experiência pessoal

 

Naquela manhã tudo me parecia fresco e novo... O caminho para o trabalho, parecia mudado.

Um brilho diferente tocava as árvores que ladeavam a rua, e o cheiro doce dos jasmins me enlaçou, de inopino.

Não se tratava de uma mudança apenas exterior, algo dentro do meu ser mudara.

Podia sentir e quase tocar a mudança.

Estava mais serena, tranquila, apesar da turbulência e das dificuldades que vinha enfrentando nos últimos três anos.

Com desafios de ordem material, emocional, no terreno das emoções e dos afetos, muitas vezes durante esse período, sentia as forças desaparecendo, que minhas orações não tinham respostas. Porém, algo, no íntimo, no âmago de minh'alma despertava, uma força gigante, uma alegria gratuita, uma aceitação sem limites.

No convívio dos irmãos na Casa Espírita e na leitura mais assídua do Evangelho, nas preces demoradas antes de adormecer, recuperava as minhas energias, e pela perseverança, após anos de luta e sofrimento, começava a experimentar o refrigério que vem do Alto.

É preciso persistência e zelo constante ao atravessarmos o deserto, até que num determinado instante descobrimos o poço, o oásis...

E foi assim que, no deserto que atravessei nos últimos anos, de repente, numa manhã de sol... vi e senti que se abriam as portas do céu, e que de lá desciam luzes, como chuvas de bênçãos, nunca antes experimentadas.

Meus problemas não terminaram, meus desafios são muitos, porém, agora me sinto forte e amparada, foi rompida a barreira, acabou a angustiante espera.

Agora eu sei, porque fortemente, o sinto, jamais ter sido abandonada por Deus.

A experiência com a espiritualidade maior, na intimidade do meu coração, mais do que nunca, é real!


Eni Gonçalves

Tags: Deus, Preces, com, intimidade, na, oração, persistência

Exibições: 309

Responder esta

Respostas a este tópico

Oi Eni,Boa noite

Deus,nem sempre vai responder suas orações com sim ou não..as vezes a resposta é espere,grande abraço.

Eni! Que bom que conseguistes perceber a presença D'ELE. Ela é sempre sutil, mas contínua, apesar de quase sempre não a percebermos...ELE nunca deixa de atender quem o procura, através de preces, leitura edificante e boas atitudes. A vida é um continuum desafio, eu bem o sei...

Todo que busca encontra, o que pede recebe, e ao que bate, abrir-se-lhe-á, como ensina  o Mestre dos mestres.

Obrigado por compartilhar sua experiência

 FELIZ SOMOS NÓS QUE SABEMOS NA HIMULDADE  DO PAI A ESPIRITUALIDADE NÃO DEIXA A GENTE EM MOMENTO ALGUM.MUITA PAZ

São os momentos de teste, em que devemos dar o testemunho... as horas mais difíceis  que um dia serão recompensadas!

Sua declaração me fez mais forte hoje , pois quando estamos atravessando este DESERTO , as vezes precisamos de declarações assim , para sabermos realmente que não estamos sozinhos e essa dor , essa magoa muito doida , que me intristece , sei que assim como vc disse : não acabam os problemas e logo ,logo tudo se encaixa e meu oásis ta ao alcance da minha mão e da minha fé em Deus.

Muito obrigada por compartilhar.

Que Deus continue te abençoando sempre.

Oi Sandra de Lima! 

Fico feliz que minha experiência tenha somado pra você e para os demais. Sabe, a prece e o evangelho  no lar é uma verdadeira terapêutica para nossas vidas. Podemos dizer, sem medo de errar, que a persistência nessa prática elimina muitos males.

A recomendação para os dias de deserto, é intensificar a prática da prece e, se possível, realizar o culto do evangelho todos os dias!

Grande abraço e que Deus nos inspire sempre

Que mensagem linda, Rita de Cássia, e tocante!... me comoveu...

É verdade... Deus nos fala por muitos e diferentes meios, das mais diversas formas...

Sexta-feira, voltando para casa, à noite... quando encerro expediente na escola onde ensino, passava em frente a uma casa, quando o perfume de um jasmineiro me enlaçou...

Senti o abraço daquele doce aroma, e parei um pouquinho para respirá-lo profundamente...

Naquele momento, meu coração se encheu de gratidão e naquele cheiro gostoso eu me recordei de um espírito amigo, que há muito tempo deixou de se fazer notar por mim...

Houve uma época em que eu o percebia pelo perfume, parecido com o dos jasmins...

Segurei a respiração, e concluí... que Deus nos visita todos os dias, às vezes, assim... quando o vento nos traz o aroma das flores, pois são elas os mais belos pensamentos materializados do Pai...

O Espírito amigo que se fazia notar por um perfume tão gostoso, de repente estava ali, naquele jasmineiro rescendendo na noite primaveril...

Gratidão e louvor são as mais belas preces que nossas almas podem experimentar!

Abraço fraterno!

como já dizia EMMANUEL...nem sempre as nossos pedidos nas preces vem em forma de manjar celeste...muitas vezes vem como perda....aborrecimentos...aflições...dificuldades...etc...por isso temos que saber entender o que DEUS quer mudar em nós...

PARABÉNS PELO SEU MERECIMENTO!...VIVO A CADA DIA PRSISTENTEMENTE NO AGUARDO DESSA IMINÊNCIA, HÁ QUASE 6 ANOS!!!!!!!!!!!!

 

DEUS, jamais abandona o filho que tem o anseio em progredir e conquistar as suas realizações, por mais que as respostas,possam parecer demoradas elas sempre chegarão. A perseverança e a paciência são virtudes que desenvolvemos ao longo do tempo, aprendendo que os nossos anseios estão nas mãos divinas, sendo preparado com muito carinho por ele.

Paz e Luz

Guibson,

Suas palavras vieram ao encontro dos meus anseios no dia de hoje... foram muito assertivas e a propósito.

Paz e Bem

Responder à discussão

RSS

© 2021   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!