Grupo de Estudos Espíritas Manoel Philomeno de Miranda

Informação

Grupo de Estudos Espíritas Manoel Philomeno de Miranda

Grupo dedicado ao estudo da Obsessão e sua terapêutica.

Local: Maceió-Alagoas
Membros: 14
Última atividade: 14 Abr, 2015



Fórum de discussão

ATENDIMENTO FRATERNO

Iniciado por Anna Cristina 14 Abr, 2015. 0 Respostas

" Que seja a sua presença na Casa espírita uma viagem permanente ao coração de seu irmão.Integre-se no espírito de alegria, disputando a honra de trabalhar, com todos e entre todos, sem preocupações hegemônicas ou dominadoras.Cordialidade permanente, silêncio a qualquer impulso maledicente, o máximo empenho para o aproveitamento de toda e qualquer contribuição, sem cobranças, exibicionismos, querelas...Lembre-se que, em parte, depende de você o clima de amizade que atrai os bons espíritos.Se as marcas do passado e desafios do presente lhe ameaçam o compromisso com a postura fraternal, discipline os impulsos e cumpra o seu dever de trabalhar e servir, até que possa amar em profundidade. Não seja você a pedra do escândalo, nem o ácido dissolvente da amizade, mas, antes de tudo, um ponto de referencia para que o amor triunfe.Cuidado com a indiferença, o desapreço e as preferências para que tais atitudes não maculem a sua participação no esforço coletivo.Se o companheiro se afastou, conquanto não saiba o motivo, interesse-se por ele; nada custa um telefonema, uma visita, uma conversa estimuladora e, se enfermo, a sua presença junto dele. São essas atitudes, deveres impostergáveis, sem os quais a convivência cristã deixa de ter sentido, tornando-se igual a outra qualquer.Às vezes, você deixa de adotá-las, não por descaso, mas por excesso de trabalho ou preocupações com seus próprios problemas. Todavia, reveja a atitude e refaça as prioridades, pois os deveres de solidariedade estão em primeiro lugar."Manoel Philomeno de Miranda Livro: Atendimento FraternoMédium: Divaldo P. FrancoContinuar

NAS FRONTEIRAS DA LOUCURA

Iniciado por Anna Cristina. Última resposta de Benoni Martins 6 Out, 2014. 1 Resposta

"É muito diáfana a linha divisória entre a sanidade e o desequilíbrio mental.Transita-se de um para outro lado, sem que haja, inicialmente, uma mudança expressiva no comportamento da criatura.Ligeira excitação, alguma ocorrência depressiva, uma ansiedade, ou um momento de mágoa, a escassez de recursos financeiros, o impedimento social, a ausência de um trabalho digno entre muitos outros fatores, podem levar o homem a transferir-se para outra faixa da saúde mental, alienando-se, temporariamente, e logo podendo retornar a posição regular, à de sanidade......São os sexólatras, os violentos, os exagerados, os dependentes de viciações de qualquer natureza, os pessimistas, os invejosos, os amargurados, os suspeitosos incondicionais, os ciumentos, os obsidiados, que mais facilmente transpõem os limites da saúde mental......A obsessão é uma fronteira perigosa para a loucura irreversível.Sutil e transparente, a princípio, agrava-se em razão da tendência negativa com que se agasalha o infrator dos Soberanos Códigos da Vida.Dando gênese a enfermidades várias, inicialmente imaginárias, que recebe por via telepática, podem transformar-se em males orgânicos de consequências insuspeitadas, ao talante do agente perseguidor que induz a vítima que o hospeda, a situações lamentáveis.Comportamentos que se modificam, assumindo posições e atitudes estranhas, mórbidas, exprimem constrição de mentes obsessoras sobre aqueles que se lhes submetem, mergulhando em fosso de sombras e de de penoso trânsito..."Do Livro: Nas Fronteiras da LoucuraPsicografia: Divaldo Franco Espírito: Manoel P. MirandaContinuar

ATENDIMENTO FRATERNO

Iniciado por Anna Cristina 28 Nov, 2013. 0 Respostas

Quando alguém propõe-se a auxiliar o seu próximo, colocando-se à disposição para o atendimento fraterno, desenvolvem-se-lhe os sentimentos de elevação moral e espiritual, possibilitando-lhe a bênção da sintonia com o mundo transcendente superior.Entidades nobres, encarregadas de contribuir em favor do progresso da sociedade acercam-se-lhe e passam a inspirá-lo e a protegê-lo com mais assiduidade, a fim de que sempre se encontre em condições seguras para o mister.Quando se aprende a ouvir com serenidade, especialmente as queixas e reclamações, os brados de desespero e os profundos silêncios da angústia, ou simplesmente permitir que haja uma catarse de quem sofre, interessado em socorrer bondosamente, nunca lhe faltam os valiosos recursos do auxílio dos Mentores, que vão além das palavras consoladoras e calmantes, como também através dos processos fluidoterápicos valiosos.Os grandes problemas e desafios humanos encontram-se ínsitos na própria criatura, desestruturada para os enfrentamentos, no debate de inúmeros conflitos não resolvidos e procedentes do passado espiritual, que se transformam em terríveis algozes, acicatando o cerne da alma e aturdindo a mente, colocando fantasmas aparvalhantes onde existem somente frustrações e insegurança.Quaisquer pequenas ocorrências desagradáveis são transformadas em tremendos sofrimentos que aumentam na razão direta em que a falta de equilíbrio e maturidade para resolvê-los, induz à autocompaixão, à revolta, à insanidade.Todos os males que aturdem o ser humano procedem do seu íntimo e somente na sua raiz devem e podem ser solucionados. Por essa razão, cada Espírito é o somatório das suas experiências evolutivas através do curso das reencarnações.A ignorância desse mecanismo sublime permite ao indivíduo manter-se em deplorável situação existencial, o que lhe…Continuar

SINTOMAS DA MEDIUNIDADE

Iniciado por Anna Cristina 20 Out, 2013. 0 Respostas

A mediunidade é faculdade inerente a todos os seres humanos, que um dia se apresentará ostensiva mais do que ocorre no presente momento histórico.À medida que se aprimoram os sentidos sensoriais, favorecendo com mais amplo cabedal de apreensão do mundo objetivo, amplia-se a embrionária percepção extrafísica, ensejando o surgimento natural da mediunidade.Não poucas vezes, é detectada por características especiais que podem ser confundidas com síndromes de algumas psicopatologias que, no passado, eram utilizadas para combater a sua existência.Não obstante, graças aos notáveis esforços e estudos de Allan Kardec, bem como de uma plêiade de investigadores dos fenômenos paranormais, a mediunidade vem podendo ser observada e perfeitamente aceita com respeito, face aos abençoados contributos que faculta ao pensamento e ao comportamento moral, social e espiritual das criaturas.Sutis ou vigorosos, alguns desses sintomas permanecem em determinadas ocasiões gerando mal-estar e dissabor, inquietação e transtorno depressivo, enquanto que, em outros momentos, surgem em forma de exaltação da personalidade, sensações desagradáveis no organismo, ou antipatias injustificáveis, animosidades mal disfarçadas, decorrência da assistência espiritual de que se é objeto.Muitas enfermidades de diagnose difícil, pela variedade da sintomatologia, têm suas raízes em distúrbios da mediunidade de prova, isto é, aquela que se manifesta com a finalidade de convidar o Espírito a resgates aflitivos de comportamentos perversos ou doentios mantidos em existências passadas. Por exemplo, na área física: dores no corpo, sem causa orgânica; cefalalgia periódica, sem razão biológica; problemas do sono - insônia, pesadelos, pavores noturnos com sudorese -; taquicardias, sem motivo justo; colapso periférico sem nenhuma disfunção circulatória, constituindo todos eles ou apenas alguns, perturbações defluentes de mediunidade em surgimento e com sintonia desequilibrada. No comportamento psicológico, ainda…Continuar

Caixa de Recados

Comentar

Você precisa ser um membro de Grupo de Estudos Espíritas Manoel Philomeno de Miranda para adicionar comentários!

Comentário de Anna Cristina em 21 agosto 2013 às 15:36

Caro amigo, Naudelino Ferreira Pessoa,

No Livro: Tormentos da Obsessão, Manoel Philomeno de Miranda, responde claramente sua pergunta, quando afirma que:

Comentário de Benoni Martins em 19 agosto 2013 às 18:54

Como os Espíritos podem penetrar nossos pensamentos (questões 456 a 458) LE. Só o título deste item já traz à tona a transcendentalidade dos esclarecimentos espirituais: os Espíritos, querendo, vêem o que fazemos e conhecem nossos pensamentos - naa lhes escapa; obviamente, os bons Espíritos nos amparam e os levianos riem e nós.

Comentário de beatriz aparecida cardoso em 19 agosto 2013 às 18:43

uma daspiores obsessoes na minha opiniaoé depois do desencarne.

Comentário de Naudelino Ferreira Pessoa em 19 agosto 2013 às 18:39

Seremos obsediados mesmo nos sendo pessoas equilibrada e conhecedora do problema ?o  a obsessão procura os nossos desiquilíbrio para nos perturbar. 

Comentário de adão de araujo em 19 agosto 2013 às 18:34

Excelente ideia de estudos das obras de Manoel P. de Miranda. Vamos participar. Abraços.

Comentário de Rose Régis em 19 agosto 2013 às 17:47

A obsessão e sua terapêutica são assuntos de extrema relevância  Todos nós, em algum momento da vida, passamos por situações assim, ainda que tenham baixo impacto em nosso equilíbrio !

 

Membros (14)

 
 
 

© 2017   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!