Olá, André.

Eu acho que, em determinadas situações, é o ideal. É melhor do que acompanharmos famílias e mais famílias com muitos filhos e sem condições de alimentá-los, educá-los ou dar-lhes uma condição digna de sobreviverem. Tudo isso acompanhado de psicólogos e assistentes sociais.

Exibições: 23

© 2018   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!