Desencarne por acidente, em que condição o espirito fica?

Boa Noite!

Tenho uma pergunta aos menbros do grupo, essa semana perdi um amigo em um acidente de carro, porem embora fora um acidente fatal, ele estava embriagado, ao chegar ao mundo espiritual que tipo de erraticidade, ele podera passar, e isso seria uma propria escolha dele de prova?

obrigado

Roberto

Exibições: 325

Responder esta

Respostas a este tópico

 

Ninguém escolhe desencarnar embriagado ou por outro qualquer excesso. Um erro deliberado não pode ser considerado preparatório de resgate cármico. O que acontece nesses casos é consequência da falta de instrução espiritual, que leva o Espírito a envolver-se com vícios, sempre em busca das sensações da matéria.

As consequências nesses casos são as mesmas que revestem o ato de suicídio, pois os laços que prendem o Espírito ao corpo não são imediatamente desfeitos, com o duplo etérico retendo o reservatório de energia que vitalizava o corpo físico, fazendo com que o Espírito continue a sentir as sensações da vida material que ele não pode mais satisfazer, causando-lhe grande sofrimento, além do remorso cada vez mais intenso que passa a lhe dominar.  

Esta é a regra geral, mas cada caso comporta uma apreciação particular diante da Lei, com atenuantes ou agravantes. Há diferença de um suicídio deliberado para um involuntário. Mais culpa diante do ato de um insensato do que o de um desesperado. Agravante diante de uma eutanásia orgulhosa ou de um comportamento leviano, e atenuante diante de um risco que seja necessário correr. 

Em todos os casos, orar pela paz dos que cedem à desdita de abandonar a vida física prematuramente é um ato de caridade, tendo porém o cuidado de não se ligar ao fato. 

     

Responder à discussão

RSS

© 2018   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!