Recentemente a Institution of Mechanical Engineers, de Londres, divulgou o resultado de um estudo segundo o qual aproximadamente 2 bilhões de toneladas de toda a comida produzida no mundo é jogada no lixo, anualmente.
Alguns fatores determinantes para tamanha perda seriam: 1 - Transporte e armazenamento em condições inadequadas; 2 - alguns produtos com prazo de validade muito rigorosos; 3 - promoções do tipo "Leve dois e pague um"; 4 - demanda exagerada por produtos hortifrutigranjeiros de aparência perfeita.
A ONU divulgou pesquisa informando que atualmente 870 milhões de pessoas no mundo passam fome; sendo que milhares desses irmãos nossos, morrem por desnutrição.

OBS: Os dados informados acima foram publicados na Revista CidadeNova, edição de fevereiro de 2013. ( www.cidadenova.org.br).


Questão para debate: Você acredita que, individualmente, podemos fazer alguma coisa para diminuir tanto desperdício de alimentos?

Exibições: 832

Responder esta

Respostas a este tópico

Firmando com o Amaury Agnetti.

Beijocas Adão !

Estimado Amigo Adão.

O tema foi escolhido com muita felicidade, porque é um tema actual e muito agudo ao nível mundial.

Como exemplo da minimização do desperdício exemplifico:

Infelizmente em Portugal, estamos passando por dificuldades , pois houve grandes falhas  políticas  macro-económicas num passado recente .

Assim somamos dificuldades internas com dificuldades da Europa .

No momento actual , a taxa de desemprego é muito elevada.

Com essa situação há complicações em muitos lares.

Assim muitos supermercados, oferecem produtos que ainda estão bons , como fruta e outros alimentos ainda em bom estado.

Muitos restaurantes  a comida que sobrou do dia, oferecem a lares da terceira idade e instituições de caridade.

No país, no momento há uma campanha fantástica, muito grande a nível da solidariedade.

Estou mesmo admirado, pois são milhares e milhares de pessoas a serem alimentadas, por muitas e muitas  organizações de solidariedade.

Tenho colaborado dentro das minhas possibilidades,e verificam-se milagres, com as boas vontades a nível geral do País.

A nível de Região Norte o esforço é muito maior. As pessoas são mais espiritualistas.

Quanto à questão propriamente, respondo afirmativamente que muito poderemos  fazer, para diminuir  o desperdício de alimentos , começando por nossa casa.

Em minha casa  a ordem é nada estragar. Se sobrar ,se for necessário dá-se.

Porque não?

Grande irmão Fernando Domingos Duarte Morais. Guarde a certeza prezado irmão de que Deus abençoa e trabalho de vocês em benefício dos mais necessitados. Por aqui também, especialmente em nossa Casa Espírita, www.lardacaridade.com.br estamos fazendo um trabalho de apoio as familias carentes de recursos.

A grande verdade é que o Sistema Capitalista faliu. A Sociedade consumista também está falida.É urgente pensar um novo tipo de Sistema e de Sociedade, afinal já estamos no Terceiro Milênio.

Um grande abraço amigão. Muito grato por sua preciosa contribuição pra o debate. Muita paz.

Olá a todas/os,

Adão, você tem toda a razão em dizer que o sistema capitalista faliu. Por isso temos 1 bilhão de famintos no mundo e as desigualdades sociais aumentam sem parar. O mal do capitalismo é que o setor econômico, que deveria servir para satisfazer as necessidades físicas e culturais de todos, e portanto deveria ter um espírito básico de fraternidade, isto é, de solidariedade (por exemplo, se alguém consumir demais, necessariamente alguém vai consumir de menos), usa nesse setor o espírito de liberdade. Eu posso inventar um novo produto, por exemplo uma coca-cola (arghhh!) verde e, como não há necessidade disso, tenho a liberdade de criá-la por meio de propaganda condicionadora, como é o caso típico da propaganda na TV. A liberdade do sistema capitalista permite também, legalmente, comprar-se o sistema judiciário, contratando-se advogados melhores que vão, imoralmente, mas eticamente dentro de sua profissão, defender criminosos que eles mesmos reconhecem como tal. Fora as ilegalidades, de compra  (corrupção) de juízes, de deputados e senadores, etc. No capitalismo, quem tem o capital, o dinheiro, manda. Mas o comunismo também estava falido, pois só deveríamos ser tratados como iguais no setor jurídico e político. Com isso matou-se nos países comunistas a arte e a ciência, que deveriam ser exercida em liberdade, fora a frustração em que viviam os cidadãos. Nesses países, quem manda é quem tem o poder.

Agora, Adão, você diz que é urgente pensar em um novo tipo de sistema e de sociedade. Pois esse sistema existe e está sendo aplicado em inúmeras instituições e empresas, por exemplo em todas as escolas Waldorf; é o que é denomidado de Trimembração do Organismo Social, a organização social antroposófica introduzida por Rudolf Steiner em 1919. Ela propõe dividir a sociedade em 3 setores independentes, que ele chamou de Vida Econômica (onde o espírito básico deveria ser o da fraternidade), Vida Jurídico-Política (onde o espírito básico deveria ser o da igualdade) e a Vida Espiritual (que envolve todo o processo criativo, onde o espírito básico deveria se o da liberdade).

Há dois livros dele sobre o assunto traduzidos: "Os pontos centrais da questão social" e "Economia viva", ambos editados pela Editora Antroposófica, onde podem ser adquiridos pela Internet. Sobre o desenvolvimento da liberdade, da igualdade e da fraternidade veja meu último artigo

www.ime.usp.br/~vwsetzer/liberdade-igualdade-fraternidade.html

Sobre ele, aguardo críticas e sugestões.

aaaaaaaaaaaaaaa, VWS.

Oi Valdemar. Concordo pelnamente com todas as suas colocações. De fato, tanto o Comunismo (ou Socialismo Soviético) quanto o Capitalismo são sistemas falidos. Eu penso que, talvez, um socialismo com bases nos princípios morais e éticos do Cristianismo (de Jesus Cristo),  poderia ser uma boa opção.

Vou ler os livros por você sugeridos. O sistema Trimembração do Organismo Social, proposto por Rudolf Steiner é também muito interessante. 

Um grande abraço e muito grato por sua preciosa participação. Muita paz.

Olá a todas/os,

Adão, o saudoso Joelmir Betting, ao ler o livro do Steiner "Economia Viva" disse que ele é atualíssimo.

aaaaaaaaaaaaaa, VWS.

Oi Valdemar. Sempre tive muito respeito pelos comentários e opiniões do Joelmir; mais um ponto a favor do livro por você mencionado.

Um grande abraço meu amigo.

Responder à discussão

RSS

© 2017   Criado por Henrique.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço

Free counters!